Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 04 de outubro de 2016. Atualizado às 14h03.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

ambiente

Alterada em 04/10 às 14h06min

Parlamento Europeu ratifica acordo climático de Paris

O Parlamento Europeu ratificou nesta terça-feira o acordo climático de Paris, o que assegura que o acordo para a redução voluntária de emissões de gases entre em vigor em novembro.
Em uma sessão realizada em Estrasburgo, que contou com a participação do secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, os deputados europeus aprovaram a medida por 610 votos a favor e 38 contra.
O Conselho Europeu, que representa os governos nacionais dentro da Europa, ainda precisa adotar o acordo, mas sua aprovação é certa após um acordo feito entre os ministros de meio ambiente da região.
"Vocês agora têm a oportunidade de fazer história", disse Ban antes da votação.
Após a entrega da ratificação da UE na ONU, o que deve acontecer na sexta-feira, os países que representam mais de 55% das emissões globais terão que adotar formalmente o acordo de Paris. Até o momento, 62 nações, entre elas os Estados Unidos, China e Índia, adotaram formalmente o acordo. 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia