Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 13 de outubro de 2016. Atualizado às 21h47.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

campeonato brasileiro

Alterada em 13/10 às 21h50min

Atlético-MG vence, afunda ainda mais o América-MG e segue sonhando com título

No duelo entre um time que luta para ser campeão brasileiro da Série A e outro que batalha para não ser rebaixado, quem se deu melhor foi a equipe da parte de cima da tabela. O Atlético-MG, terceiro colocando na competição, bateu o lanterna América-MG por 3 a 0 em clássico mineiro disputado nesta quinta-feira no Mineirão, pela 30a rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols foram marcados por Fred, Carlos César e Lucas Pratto.
Com o resultado, o clube alvinegro vai a 56 pontos e encosta de vez nas primeiras colocações da tabela, até porque o líder Palmeiras apenas empatou com o Cruzeiro, também nesta quinta. No domingo, a equipe encara o embalado Botafogo, no Luso Brasileiro. Já o América-MG segue desesperado na lanterna, com somente 21 pontos, e visita o Corinthians também no domingo.
O goleiro do América-MG salvou o time de ter 1 a 0 contra no placar logo aos quatro minutos do primeiro tempo. Otero se livrou da zaga e chutou. O arqueiro alviverde espalmou e, na sequência, defendeu novo tiro, de Clayton, aproveitando o rebote. Aos 11 minutos, Osman tocou para Gilson, que avançou à esquerda da grande área e chutou, mas para fora. Um minuto depois, Erazo errou passe na intermediária, Juninho dominou e passou para Osman, que avançou e bateu para fora. O América-MG, assim como na maioria dos seus jogos, errava muito nas finalizações.
Lá atrás, João Ricardo não decepcionava. Aos 19 minutos, Clayton desviou de cabeça lançamento para área. O goleiro americano deu de tapa para a linha de fundo. A partir desse lance, os dois times reduziram o ritmo do jogo. Aos 26 minutos, Juninho fez boa movimentação pela esquerda, dentro da grande área, mas foi travado no momento do chute.
O gol do Atlético-MG aconteceu aos 36 minutos, com Fred, até então apagado no jogo. O atacante recebeu de Otero, em articulação pela esquerda, e chutou forte. A bola bateu na trave e entrou. Osman teve a chance de empatar cara a cara com Victor aos 45 minutos. Mas o jogador, de forma incrível, chutou em cima do goleiro atleticano.
No primeiro lance com perigo de gol do segundo tempo, João Ricardo defendeu cabeçada forte de Leonardo Silva, aos oito minutos. O Atlético-MG ampliaria com Carlos César aos 19 minutos. O jogador roubou a bola no meio campo, tocou para Clayton, avançou, recebeu na área do próprio Clayton e desviou para as redes.
O América-MG chegou aos 32 minutos em chute pelo meio de Juninho. Victor defendeu. O time alviverde colocou bola na trave em cabeçada de Osman aos 38 minutos. O Atlético-MG respondeu com outro gol aos 39 minutos. Lucas Pratto chutou sem chances para João Ricardo depois de receber passe de Patric.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia