Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 06 de outubro de 2016. Atualizado às 00h13.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Campeonato Brasileiro

Alterada em 06/10 às 00h16min

São Paulo empata com o Sport e se mantém perto da zona de rebaixamento

O São Paulo saiu na frente e teve a chance de voltar para casa com os três pontos e uma situação melhor no Campeonato Brasileiro, mas o time sofreu o empate do Sport, por 1 a 1, tomou sufoco no fim e permanece em uma situação incômoda na competição, em 13º lugar, com 36 pontos, a cinco da zona de rebaixamento. E a diferença pode diminuir ao final da rodada porque Figueirense e Internacional ainda vão entrar em campo na rodada.
Sport e São Paulo entraram em campo posicionados de maneira parecida, com apenas um homem na frente, Rogério do lado dos pernambucanos e Chávez, no time paulista. Por isso a disputa ocorreu sobretudo no meio-campo, onde as marcações levavam vantagem e os passes errados se sobressaíam.
A primeira chance do jogo veio com Rogério, que recebeu sozinho no ataque, mas chutou muito mal. A resposta do São Paulo veio com Chávez, que chutou e obrigou Magrão a fazer ótima defesa. O confronto estava equilibrado, mas a defesa tricolor insistia em falhar. Em uma bobeada de Rodrigo Caio, Diego Souza invadiu a área, mas Maicon travou na hora certa.
Como tinha dificuldade em se aproximar da área rival, o São Paulo passou a arriscar chutes de média e longa distância. Foi assim que, em um contra-ataque, Chávez mandou para fora. E aos 19, na entrada da área, com Carlinhos, que mandou a bola no travessão. Cinco minutos depois, Thiago Mendes chutou da entrada da área e abriu o placar.
A partir daí, o time manteve a posse de bola e quase não dava chances para o Sport. Só que no final do primeiro tempo, quando o time tocava a bola na defesa para deixar o tempo passar, Matheus Reis deu passe errado e permitiu aos pernambucanos irem ao ataque. Na sequência da jogada, aos 42, Diego Souza pegou de voleio e empatou o duelo.
Após o intervalo, os técnicos mexeram em suas equipes. Ricardo Gomes consertou o lado esquerdo da defesa ao colocar Buffarini no lugar de Matheus Reis, que estava muito mal. Já Oswaldo de Oliveira optou por ter um ataque mais incisivo, colocando Vinícius Araújo e, pouco depois, Apodi.
As mudanças deixaram o jogo mais aberto, com chances para os dois lados. Buffarini, duas vezes, levou perigo ao gol de Magrão A resposta do Sport veio com Apodi, que mandou na trave, e Rogério, que finalizou fraco. João Schmidt, pouco depois de entrar, mando forte, por cima do gol. E Samuel Xavier, aos 34, chutou cruzado, com perigo, levantando a torcida local. E aos 43, Denis fez ótima defesa em chute de Apodi, garantindo o empate.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia