Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 23 de outubro de 2016. Atualizado às 21h30.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Turismo

Notícia da edição impressa de 24/10/2016. Alterada em 23/10 às 20h18min

Agências ampliam a oferta de pacotes de verão para adolescentes

Nos últimos anosm a irlandesa Dublin tem atraído o público jovem em busca de conhecimento e diversão

Nos últimos anosm a irlandesa Dublin tem atraído o público jovem em busca de conhecimento e diversão


CI INTERCÂMBIO/DIVULGAÇÃO/JC
Adriana Lampert
Agências de turismo e de intercâmbio de todo do País já iniciaram a venda de pacotes de viagens específicos para o público adolescente, com foco nas férias de verão. A maioria das ofertas é para o exterior, onde é possível, além de desfrutar de entretenimento, praticar atividades que agregam conhecimento, como aulas de idiomas, esportes ou trabalho voluntário. Um dos programas voltados para crianças e jovens de 7 a 17 anos é o Intercâmbio Teen, da CI -Intercâmbio e Viagem, em janeiro e julho. "O curso pode ser feito em diversos países e tem duas modalidades: em grupo, em que o estudante estará com uma turma e com acompanhamento integral de um adulto; ou individual, para os que já se sentem preparados para embarcar sozinhos e fazer amigos enquanto aperfeiçoam outro idioma", ilustra a supervisora da região Sul da agência, Ana Flora Bestestti. A novidade deste ano é uma viagem para a capital da Irlanda. "Dublin é encantadora para todas as idades, e este destino ainda é bastante incomum para adolescentes", destaca Ana.
Nos últimos anos, a cidade irlandesa tem atraído jovens em busca de conhecimento e diversão, motivo pelo qual a supervisora da CI acredita que o novo roteiro será especial para os gaúchos entre 13 e 17 anos que aderirem ao programa de férias escolares da agência.
"É um intercâmbio fantástico para adolescentes, porque trata-se de um lugar rico em história, o que ajuda muito na formação intelectual e pessoal", defende. A cidade tem castelos, museus e galerias de arte, além da famosa Catedral de St. Patrick, fundada em 1191, e cuja torre tem cerca de 43 metros de altura, lembra Ana. O James Joyce Centre, museu dedicado ao escritor mais famoso da Irlanda, é outra atração. Lá ficam guardados objetos, fotos, livros e documentos relacionados ao autor.
Um dos programas de férias organizados pelo Yázigi Travel inclui curso de idioma e passeio às Cataratas do Niágara, em Toronto, no Canadá. "Serão quatro semanas de curso semi-intensivo de inglês", resume a assistente de web da agência Amanda Alba.
Já o programa Colônia de Férias no Exterior da World Study oferece alternativas de entretenimento que, além de atividades culturais, incluem a prática de esportes. Crianças e adolescentes podem formar grupos também para programas vinculado a artes. É possível escolher entre curso de inglês e aulas de snowboard, surfe, dança, futebol, teatro e música. Outra possibilidade é participar de excursões pelo país. A faixa etária varia de nove a 17 anos.
"Há muita cultura e diversão para jovens que queiram estudar espanhol em Quito (Equador)", sugere o gerente técnico da Quito Turismo, Patricio Gaybor Sotomayor. "Há muitos museus, galerias e entretenimento noturno no bairro La Mariscal, uma zona turística voltada para jovens", destaca. Além disso, é possível conhecer a linha equatorial, que fica a 10 quilômetros da cidade, passando pela experiência de se estar na metade do mundo, entre os dois hemisférios.

Experiência ajuda estudantes a aprimorar idioma

Inserido neste ano na oferta da CI - Intercâmbio e Viagem, o programa Teen Dublin levará 15 jovens para a capital da Irlanda em janeiro de 2017. A viagem terá a duração de três semanas. Esta será a primeira versão gaúcha do programa, que teve a primeira edição em julho, saindo de São Paulo. Na ocasião, o estudante do 9º ano do Ensino Fundamental Vitor Raduszewski (14 anos) embarcou para uma imersão no inglês. "Gostei muito da experiência, e recomendo para quem quiser aprender gramática, ampliar expressões e melhorar a pronúncia", destaca.
Durante as tardes, ele visitou atrativos turísticos, como o Phoenix Park, o maior parque fechado público e urbano da Europa. "Tem até uma indústria abandonada lá dentro, além de uma grande área verde, e muitos animais do bioma nativo", conta Raduszewski. Durante três semanas, ficou hospedado em casa de família, junto com dois intercambistas espanhóis. "Pela manhã, eu frequentava a Atlas Language School, mas onde mais aprendi foi na minha casa por lá, pois falávamos muito sobre a cultura local", comenta.
O estudante do segundo ano do Ensino Médio Juliano Ruperti de Souza (15 anos) vai integrar o grupo que sai em janeiro de Porto Alegre rumo a Dublin. "Vai ser bacana, por conviver com intercambistas de outros lugares, e ainda em uma universidade, onde ocorrerão as aulas de inglês." Cursando o último ano do nível avançado do idioma, Souza acredita que a comunicação será fácil. "Mas nunca tive experiência com estrangeiros. Estou bastante ansioso", admite.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia