Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 29 de setembro de 2016. Atualizado às 20h13.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

campeonato brasileiro

Alterada em 29/09 às 20h15min

Recuperado, Everton treina e pode ser novidade do Grêmio contra o Cruzeiro

O Grêmio pode ter uma novidade para a partida contra o Cruzeiro, neste sábado, no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, pela 28.ª rodada do Campeonato Brasileiro. Nesta quinta-feira, um dia depois da vitória sobre o Palmeiras na Copa do Brasil, o atacante Everton treinou normalmente com os jogadores reservas e mostrou que está recuperado de uma lesão muscular na coxa direita.
O técnico Renato Gaúcho ainda não definiu quem serão os titulares em Minas Gerais - coisa que deverá fazer no treinamento desta sexta-feira -, mas tem à disposição o atacante que se machucou no treino seguinte à vitória contra o Atlético Paranaense, em Curitiba, pela rodada de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, no final de agosto.
Para o jogo deste sábado, o treinador gremista terá algumas ausências. O goleiro Marcelo Grohe e o meia Walace estão suspensos e o volante Maicon e o atacante Negueba, lesionados. O substituto no gol será Bruno Grassi e a dúvida está no meio de campo. Renato Gaúcho pode tanto manter o sistema com três volantes, com o ingresso de Kaio, ou armar a equipe com uma linha de três meias em frente ao atacante de referência, que é Luan.
Quem falou com a imprensa nesta quinta-feira foi o volante Ramiro, autor de um golaço na vitória sobre o Palmeiras. O jogador ainda vê o Grêmio em adaptação ao estilo de Renato Gaúcho, que voltou ao clube há pouco mais de uma semana. "Cada treinador tem sua visão. Ele está tentando implantar sua forma de jogar, posicionamento de bola parada, que mudou um pouco. A gente vai fazendo o que ele gosta, a equipe vai criar a cara de time dele. Espero que continue alcançando as vitórias com boas atuações, mas não é porque o Renato assumiu, que do dia para a noite a gente se tornou com gana, com vontade", disse.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia