Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 18 de setembro de 2016. Atualizado às 18h33.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Campeonato Brasileiro

Alterada em 18/09 às 18h34min

Clássico entre Cruzeiro e Atlético-MG termina empatado em 1 a 1

Cruzeiro e Atlético Mineiro empataram em 1 a 1 no clássico disputado neste domingo (18), no Mineirão, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado é ruim para as duas equipes. O Atlético, que busca o título, vai a 46 pontos e perde contato com o segundo colocado, o Flamengo, que tem 50, e com o líder Palmeiras, que tem 51. Por sua vez, o Cruzeiro, que luta para afastar da zona de rebaixamento, segue próximo à área de risco da tabela, com 30 pontos. 
Os gols da tarde deste domingo foram marcados por Clayton, para o Atlético, e Robinho, para o Cruzeiro. No primeiro turno da competição, os cruzeirenses venceram os atleticanos por 3 a 2, no estádio Independência.
O Cruzeiro começou a partida deste domingo com mais presença no campo adversário, mas foi o Atlético o primeiro a chegar com mais perigo. Otero, aos 9 minutos, chutou de fora da área e mandou no travessão. Depois de 20 minutos de um clássico até aquele momento muito fraco tecnicamente, o Atlético abriu o placar. Clayton recebeu próximo à pequena área e cabeceou no contrapé de Rafael, aos 29 minutos.
Depois, um susto em campo para jogadores e torcedores aconteceu aos 38 minutos. Henrique disputou bola aérea no meio-campo e caiu de cabeça no gramado. O jogador ficou desacordado por pelo menos um minuto. Foi levado para fora de campo, mas retornou à partida.
Passado o susto, o Cruzeiro perdeu uma chance inacreditável aos 42 minutos. A bola sobrou para Ábila, desmarcado, dentro da área O jogador dominou e, cara a cara com Victor, jogou à esquerda do gol atleticano.
Já na etapa final, aos oito minutos, Junior Urso recebeu livre na esquerda, avançou pela área e chutou à direita de Rafael. O segundo tempo, por sinal, não foi tão fraco quanto o primeiro, que contou com poucas finalizações.
Apoiado pela sua torcida no Mineirão, o Cruzeiro empatou aos 29 minutos. Arrascaeta virou o jogo na direita, Élber dominou e tocou para trás. Robinho, da entrada da área, chutou cruzado à direita de Victor, sem chances para o goleiro do Atlético.
Aos 40 minutos, Alisson tocou para Ábila, que não conseguiu se desvencilhar de Erazo. A bola sobrou para Victor. Aos 42 minutos, Lucas foi expulso por falta em Otero. O jogador já tinha recebido cartão amarelo e consequentemente levou o vermelho. Os atleticanos, porém, não conseguiram aproveitar a vantagem numérica nos minutos finais para desempatar o jogo, que acabou mesmo em 1 a 1 no Mineirão.
O próximo jogo do Cruzeiro é contra o Flamengo, no domingo, às 16h, no estádio Kleber Andrade, em Cariacica (ES). Já o Atlético-MG enfrenta o Internacional, também no domingo, às 18h30min, no Independência, em Belo Horizonte (MG).
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia