Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 15 de setembro de 2016. Atualizado às 23h33.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Rio 2016

Notícia da edição impressa de 16/09/2016. Alterada em 15/09 às 23h28min

Brasil vai à final no futebol de 5

Destaque da partida, Jefinho foi o autor dos dois gols da vitória brasileira por 2 a 1

Destaque da partida, Jefinho foi o autor dos dois gols da vitória brasileira por 2 a 1


YASUYOSHI CHIBA/AFP/JC
Exibindo belos dribles, gols bonitos e jogando sempre com a cabeça erguida, a seleção brasileira de futebol de 5 segue brilhando nos Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro e agora se encaminha para o tetracampeonato. Isso porque, nesta quinta-feira, a equipe superou a China por 2 a 1 em uma das semifinais e se classificou para a decisão, que acontecerá no sábado diante do vencedor de Argentina e Irã.
No futebol de 5, apenas os goleiros não são cegos. A bola possui guizos internos para que os jogadores que correm pelo gramado sintético possam localizá-la. Por isso, o silêncio da torcida precisa ser total. Mas isso tem sido uma dificuldade na arena onde a competição é disputada. É difícil para o torcedor brasileiro não soltar um grito de apoio em meio ao jogo, vibrar com uma jogada bem executada e, principalmente, não xingar o árbitro em alguma marcação duvidosa.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia