Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 11 de setembro de 2016. Atualizado às 20h47.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

campeonato brasileiro

11/09/2016 - 18h50min. Alterada em 11/09 às 20h51min

Inter perde de virada para Atlético-PR e continua perto do rebaixamento

Time de Celso Roth saiu na frente, mas levou virada do Atlético-PR

Time de Celso Roth saiu na frente, mas levou virada do Atlético-PR


Ricardo Duarte/Internacional/Divulgação/JC
Com um gol relâmpago do atacante Pablo, logo no primeiro minuto do segundo tempo, o Atlético Paranaense conseguiu a virada sobre o Internacional por 2 a 1, neste domingo, na Arena da Baixada, em Curitiba, pela 24.ª rodada do Campeonato Brasileiro, e deixou a equipe gaúcha à beira da zona de rebaixamento - na 15.ª colocação com 26 pontos. Já o clube rubro-negro foi a 36 e segue sonhando com o G4.
O Atlético foi surpreendido logo no primeiro lance de jogo, quando Aylon desviou de cabeça uma cobrança de lateral pela esquerda e Valdívia completou para as redes. O gol deixou o time da casa nervoso, o meio de campo pouco criava, mas as aproximações dos volantes Otávio e Hernani melhoravam um pouco mais a chegada ao gol colorado.
O Internacional se fechava e o time rubro-negro tentava jogadas pelas laterais, mas foi em um chute forte de Hernani que o Atlético encontrou o empate. O volante atleticano chutou aos 39 minutos, Danilo rebateu e na sequência Pablo concluiu para o gol.
O empate no final da etapa deixou o Atlético mais aceso no jogo, com marcação no campo do Internacional. Na etapa final, foi a vez do clube gaúcho pagar pela desatenção de sua defesa quando Léo, a um minuto, cruzou e Danilo não conseguiu cortar. Pablo surgiu por trás da zaga e virou o placar.
Um minuto depois, Hernani exigiu difícil defesa do goleiro Danilo Fernandes. O técnico Celso Roth tentou dar mais velocidade pela esquerda ao colocar Ceará na vaga de Eduardo, mas não teve sucesso. O Atlético melhorou seu toque de bola e criação com a entrada de Lucas Fernandes na vaga de Iago, que estava apagado, e com isso criou mais chances de ampliar.
O Internacional ainda teve a chance de empatar com Nico López, aos 20 minutos, quando mandou para fora uma bola que já havia sido salva pelo lateral-direito Léo.
Atlético-PR 2 x 1 Inter
Weverton; Léo, Thiago Heleno, Wanderson e Sidcley (Nicolas); Otávio, Hernani, Matheus Rosseto (Marcão) e Yago (Lucas Fernandes); Pablo e André Lima. Técnico: Paulo Autuori.

Danilo Fernandes; William, Eduardo, Ernando e Artur; Rodrigo Dourado, Eduardo Henrique (Ceará), Valdívia (Anderson) e Seijas (Vitinho); Nico López e Aylon.Técnico: Celso Roth.

Árbitro: Paulo Henrique Schleich Vollkopf
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia