Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 04 de setembro de 2016. Atualizado às 17h08.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

fórmula 1

04/09/2016 - 17h04min. Alterada em 04/09 às 17h08min

Massa festeja pontos, mas diz que desgaste dos pneus limitou desempenho em Monza

Brasileiro conquistou dois pontos no circuito de Monza

Brasileiro conquistou dois pontos no circuito de Monza


GABRIEL BOUYS/AFP/JC
O brasileiro Felipe Massa não conseguiu repetir as terceiras colocações alcançadas nos dois últimos anos no GP da Itália. Neste domingo, na primeira corrida após anunciar que se aposentará no final do ano, o piloto da Williams ao menos somou pontos com uma nona colocação.
"Acho que foi uma boa corrida com exceção do fato que não conseguimos ter o ritmo que esperávamos pela opção de pneus. Minha corrida só começou depois que mudei para os pneus supermacios e meu ritmo realmente ficou bom", comentou.
Massa largou com pneus macios e, na primeira troca, voltou novamente com macios. Com o desgaste rápido dos pneus, teve que fazer uma terceira e não programada parada para colocar os supermacios. Só aí que o carro começou a render o esperado.
"Se eu pudesse tirar um pouco mais dos meus pneus, então poderia ter sido melhor, mas estou satisfeito por termos conseguido somar pontos suficientes para voltar ao quarto lugar do Mundial de Construtores”, comentou.
Enquanto Massa terminou em nono e somou dois pontos, seu companheiro de equipe, o finlandês Valtteri Bottas, terminou na sexta colocação e alcançou mais oito pontos da tabela de classificação.
O brasileiro é o décimo colocado no geral, enquanto Bottas é o sétimo. Na disputa do Mundial de Construtores, a Williams agora tem 111 pontos, na quarta colocação, com três a mais em relação à Force India, sua principal concorrente.
O outro brasileiro da Fórmula 1, Felipe Nasr, não teve motivos para comemorar neste final de semana. Logo na primeira volta, ele se envolveu em um acidente com Jolyon Palmer e ambos tiveram que abandonar a prova.
"Cheguei a ter uma boa largada, ganhando quatro posições. Mas foi ruim que precisamos abandonar após a colisão, pois não deu para reparar o problema do carro. Espero que fiquemos livres de problemas na etapa de Cingapura", comentou.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia