Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 28 de setembro de 2016. Atualizado às 17h53.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

mercado financeiro

Alterada em 28/09 às 17h57min

Ouro recua em Nova Iorque, influenciado por alta do dólar e expectativas com Fed

Os contratos futuros de ouro fecharam em queda nesta quarta-feira, influenciados por uma valorização do dólar e percepções mistas em relação à probabilidade de uma alta de juros pelo Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) em dezembro.
O ouro para dezembro, negociado na Comex, a divisão de metais da New York Mercantile Exchange (Nymex), recuou 0,50%, a US$ 1.323,70 por onça-troy.
A alta do dólar costuma influenciar o mercado de ouro, uma vez que o metal é cotado na moeda americana e fica mais caro para investidores estrangeiros quando a divisa sobe.
Além disso, os investidores estão no aguardo da próxima reunião de política monetária do Fed, que acontece em dezembro. Os dirigentes da autoridade têm deixado claro que uma elevação dos juros depende da saúde da economia, por isso, os indicadores macroeconômicos têm tido uma atenção especial dos mercados.
Nas próximas duas semanas, dados como o Produto Interno Bruto (PIB) do segundo trimestre e o relatório de emprego (payroll) de setembro devem orientar os investidores. 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia