Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 22 de setembro de 2016. Atualizado às 08h08.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Mercado Financeiro

Bolsas asiáticas sobem após Fed manter juros e com avanço de commodities

As bolsas asiáticas fecharam em alta generalizada nesta quinta-feira (22), após a decisão do Federal Reserve (Fed, o banco central dos EUA) de deixar os juros inalterados e também sustentadas por ganhos nos preços de commodities.

Na China, o índice Xangai Composto subiu 0,54%, a 3.042,31 pontos, e o menos abrangente Shenzhen Composto avançou 0,63%, a 2.018,16 pontos, enquanto em Hong Kong, o Hang Seng registrou alta de 0,38%, a 23.759,80 pontos. O mercado em Tóquio não operou hoje, devido a um feriado no Japão.

Ontem à tarde, o Fed decidiu manter seus juros básicos nos níveis atuais, o que agradou os investidores, mas também sinalizou a probabilidade de uma elevação ainda este ano. Eventuais aumentos de juros nos EUA tenderiam a desviar recursos financeiros de grandes países emergentes da Ásia.

Horas antes, durante a madrugada, o Banco do Japão (BoJ) anunciou a criação de uma meta de juro zero para os bônus do governo japonês (JGBs) de 10 anos, iniciativa que passará a ser o "pilar central" de sua política, e manteve sua taxa de depósitos em -0,1%, nível em que se encontra desde fevereiro.

"As decisões do BoJ e do Fomc (Comitê Federal de Mercado Aberto do Fed) deixaram os mercados acionários em modo de tomada de risco", comentou Hongwei Lee, operador de vendas do Saxo Bank.

A valorização de commodities como petróleo, que é sustentado por uma nova redução nos estoques dos EUA, e cobre, favorecido pela fraqueza do dólar na esteira do anúncio do Fed, também garantiu o sentimento positivo nos mercados da região asiática.

Entre bolsas menores da Ásia, o Taiex teve alta marginal de 0,07% em Taiwan, a 9.235,26 pontos, enquanto o sul-coreano Kospi avançou 0,67% em Seul, a 2.049,70 pontos, e o filipino PSEi subiu 1,13% em Manila, a 7.762,35 pontos.

Na Oceania, a bolsa australiana foi igualmente beneficiada pela decisão do Fed e pela alta nas commodities, que impulsionou ações de petrolíferas e mineradoras. O S&P/ASX 200, que reúne as empresas mais negociada em Sydney, avançou 0,7%, a 5.374,50 pontos, encerrando o pregão no maior nível desde 8 de fevereiro.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia