Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 22 de agosto de 2016. Atualizado às 23h05.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Grã-Bretanha

Notícia da edição impressa de 23/08/2016. Alterada em 22/08 às 22h51min

Extremistas serão separados de outros presos

A Grã-Bretanha anunciou planos de deixar os extremistas islâmicos presos em unidades separadas de outros detentos, depois que um estudo encomendado pelo governo constatou que alguns dos condenados acabaram se radicalizado ao extremismo islâmico durante o tempo que ficaram detidos.
"Há um pequeno número de indivíduos muito subversivos, que precisam ficar em unidades separadas", ressaltou o secretário de Justiça, Liz Truss.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia