Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 11 de agosto de 2016. Atualizado às 00h43.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Portugal

Notícia da edição impressa de 11/08/2016. Alterada em 10/08 às 22h51min

Incêndio na Ilha da Madeira já deixou três mortos

Chamas se alastraram nos arredores de Funchal durante a noite

Chamas se alastraram nos arredores de Funchal durante a noite


JOANA SOUSA/AFP/JC
Ao menos três pessoas idosas morreram ontem em suas casas durante um incêndio que atingiu os arredores de Funchal, na Ilha da Madeira, em Portugal. O fogo tem se alastrado rapidamente e está próximo do Centro Histórico da cidade. Cerca de 1.000 pessoas foram retiradas de suas casas, assim como turistas, de acordo com a imprensa local.
Segundo o chefe do governo regional da Ilha da Madeira, Miguel Albuquerque, as vítimas morreram durante a madrugada, uma vez que o fogo se alastrou durante a noite, causando pânico. Albuquerque informou ainda que outras duas pessoas ficaram feridas gravemente, uma está desaparecida e cerca de 300 foram para o hospital por terem inalado fumaça e sofrerem queimaduras leves.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia