Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 08 de agosto de 2016. Atualizado às 01h11.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Turquia

Notícia da edição impressa de 08/08/2016. Alterada em 08/08 às 00h49min

Massa vai às ruas em apoio a Erdogan

Com transporte gratuito de todo o país, mais de um milhão lotam ruas de Istambul

Com transporte gratuito de todo o país, mais de um milhão lotam ruas de Istambul


AFP/JC
Mais de 1 milhão de pessoas foram às ruas de Istambul com bandeiras da Turquia ontem, como forma de condenar a recente tentativa de golpe militar, no qual mais de 239 pessoas morreram. A manifestação foi convocada pelo presidente Recep Tayyip Erdogan e chamada de "Comício da democracia e dos mártires". O evento se iniciou com um minuto de silêncio por aqueles mortos durante a tentativa de golpe, seguido pelo hino nacional turco e orações.
Um palco de 60 metros foi construído para o evento, encoberto por bandeiras nacionais e banners de apoio a Erdogan. O evento foi transmitido simultaneamente em telões espalhados por todas as províncias turcas. Milhares de ônibus e mais de 200 barcos levaram os manifestantes para o local. "O triunfo é da democracia, as praças são do povo", diziam folhetos colocados sob as portas de casas da capital na noite de sábado, avisando que haveria transporte gratuito para quem quisesse participar do ato.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia