Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 30 de agosto de 2016. Atualizado às 23h35.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Gente

Alterada em 30/08 às 23h36min

STF rejeita queixa-crime de Dunga contra Romário

A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) rejeitou nesta terça-feira (30) por unanimidade a queixa-crime apresentada pelo técnico de futebol Dunga contra o senador Romário (PSB-RJ). Dunga alegava que o senador havia ferido a sua honra ao dar entrevista a um jornal italiano com críticas à sua atuação como técnico da Seleção Brasileira.
Na entrevista, Romário disse que Dunga, na época técnico da Seleção Brasileira, "não convoca mais os melhores, há interesses por trás". "Dunga está envolvido nessa sujeira da CBF. Não sei se ele está sujo, se participa, mas está vendo tudo. Não é nem cego nem estúpido", disse Romário, em entrevista concedida ao jornal Gazzetta Dello Sport.
Na ação, Dunga sustentava que as afirmações colocam em dúvida suas qualidades profissionais, "desmoralizando a ilibada reputação que sempre ostentou, sendo, por isso, indubitável o dano causado a sua imagem".
Para o relator do processo, ministro Marco Aurélio, as críticas de Romário à atuação de Dunga como técnico da Seleção Brasileira não tiveram o intuito de injuriar.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia