Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 21 de agosto de 2016. Atualizado às 13h47.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

campeonato brasileiro

Alterada em 21/08 às 13h48min

Atlético-MG derrota o Atlético-PR e sobe para vice-liderança provisória

Sem Fred, suspenso, o Atlético-MG venceu neste domingo o Atlético-PR por 1 a 0 em partida disputada no Estádio Independência pela 21.ª primeira rodada do Campeonato Brasileiro. O gol foi marcado por Robinho de pênalti. Com o resultado, o time de Minas Gerais assume a vice-liderança da competição, ao menos até o fim da rodada, com 38 pontos. O Atlético-PR, com 30 pontos, está momentaneamente na sétima posição.
O jogo começou movimentado mas muito concentrado no meio de campo, com os dois times armando jogadas sem conseguir finalizar. Aos 13 minutos, os jogadores do Atlético-MG reclamaram da marcação de impedimento de Robinho que entrava na área pela direita depois de passe de Leandro Donizete.
Carlos, de cabeça, aproveitando cruzamento de Marcos Rocha, quase marcou aos 17 minutos para o time da casa. Santos fez boa defesa. O Atlético-PR chegou aos 28 minutos em cruzamento de Sidcley da esquerda. André Lima dividiu com Leonardo Silva e a bola sobrou para Victor.
E em jogo tão amarrado, com muitos passes mas sem tantas conclusões a gol, a rede só balançou mesmo em lance de bola parada. Aos 38 minutos, Carlos foi derrubado dentro da área por Thiago Heleno. Pênalti. Robinho bateu e colocou o Atlético-MG na frente. Pratto, avançando pela direita, chutou aos 43 minutos. O goleiro paranaense pegou.
Atrás no placar, o Atlético-PR passou a buscar mais o ataque. Aos 9 minutos do segundo tempo, Victor defendeu chute de André Lima. No minuto seguinte, Fábio Santos falhou e Renan Paulino ficou com a bola e chutou em cima da zaga. Na sequência, Lucas Fernandes também chutou e a bola bateu em Leandro Donizete.
O Atlético-PR se mantinha no campo adversário, mas voltou a ter dificuldade nas finalizações. Por sua vez, o time da casa não ameaçava os paranaenses. Aos 37 minutos, Victor salvou o Atlético-MG, defendendo cabeçada de Thiago Heleno no canto direito. Aos 44 minutos, Iago perdeu cara a cara com Victor, tocando para fora.
Apesar de desempenho pior na segunda etapa, o Atlético-MG segurou o 1 a 0 em casa. No domingo que vem, volta a campo em partida contra o Grêmio marcada para as 16h em Porto Alegre. O Atlético-PR recebe o Botafogo na segunda-feira seguinte, às 20h, na Arena da Baixada.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia