Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 16 de agosto de 2016. Atualizado às 18h17.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

Bancos

Alterada em 16/08 às 18h19min

Itaú Unibanco já está pronto para abertura de conta 100% digital, diz diretor

O Itaú Unibanco está em fase pré-operacional da abertura de contas 100% digital, de acordo com Marco Bonomi, diretor geral de varejo da instituição. O banco acaba de lançar um aplicativo que viabiliza a operação. "Estaremos operacionais em breve, bem em breve. Esses clientes já nascem 100% digital", disse o executivo, sem revelar datas, após palestrar em evento da Fenabrave.
A abertura de contas digitais do Itaú está sendo feita pelo aplicativo Abreconta, já disponível para IPhone. Em breve, o banco também deve lançar a ferramenta para celulares com sistema Android. "O Itaú já iniciou os testes com um grupo de clientes para oferecer a possibilidade de abertura de conta corrente de forma 100% online. O banco já disponibilizou o programa em uma loja de aplicativos e em breve o serviço estará disponível", reforçou o banco em nota.
Com o lançamento do Abreconta, o Itaú é o primeiro grande banco a seguir a resolução do Banco Central nº 4.480. Publicada em abril último, a resolução permite que a abertura de conta corrente seja feita por meio eletrônico, utilizando instrumentos e canais remotos, sem a necessidade de comparecer a uma agência bancária.
De acordo com Bonomi, operações junto a clientes digitais, captados nas agências bancárias, já respondem por 45% do resultado do varejo do Itaú. O segmento é o principal gerador de lucro do banco. De 60% a 65% do resultado do Itaú, conforme Bonomi, vêm do varejo.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia