Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 06 de julho de 2016. Atualizado às 10h29.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

operação lava jato

06/07/2016 - 10h29min. Alterada em 06/07 às 10h29min

Ex-diretor da Eletrobras Valter Cardeal é alvo de condução coercitiva em Porto Alegre

Cardeal foi conduzido coercitivamente pela PF na Operação Pripyat

Cardeal foi conduzido coercitivamente pela PF na Operação Pripyat


Marcelo G. Ribeiro/JC
A Superintendência Regional da Polícia Federal no Rio Grande do Sul informou na manhã desta quarta-feira (6) que cumpre um mandado de busca e apreensão e outro de condução coercitiva como parte da Operação Pripyat. A informação é de que estes são os únicos dois mandados expedidos para o Estado.
O alvo do mandado de condução coercitiva cumprido no Rio Grande do Sul é o ex-diretor da Eletrobras Valter Cardeal. Ele foi conduzido coercitivamente pela PF na capital gaúcha.
Cento e trinta policiais federais cumprem, no Estado no Rio de Janeiro e em Porto Alegre um total de seis ordens de prisão preventiva, outros três mandados de prisão temporária, nove de condução coercitiva e 26 mandados de busca e apreensão, todos expedidos pela 7º Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro. A ação da Polícia Federal foi deflagrada na manhã desta quarta e está sendo realizada em conjunto com o Ministério Público Federal.
O principal nome envolvido na operação é o do ex-presidente da Eletronuclear Othon Luiz Pinheiro da Silva, que já é réu em processo na 7ª Vara Federal Criminal, no Rio. Acusado de corrupção e lavagem de dinheiro, ele já cumpria prisão domiciliar e foi preso nesta manhã pelos federais.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia