Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 05 de julho de 2016. Atualizado às 17h56.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

novo governo

05/07/2016 - 17h56min. Alterada em 05/07 às 17h56min

Reunião de Temer com equipe para debater meta fiscal é adiada

Agência Globo
O presidente interino Michel Temer adiou para quinta-feira a reunião que teria no fim da tarde desta terça-feira com o núcleo econômico do governo e alguns parlamentares para debater a meta fiscal de 2017. O número, que ainda não foi fechado, é objeto de discordância entre a ala política, que defende um déficit igual ao previsto para este ano, de R$ 170,5 bilhões, e a ala econômica, que prega por um valor menor, em torno de R$ 150 bilhões.
Além dos ministros Henrique Meirelles (Fazenda) e Dyogo Oliveira (Planejamento) participariam da reunião a líder do governo no Congresso, Rose de Freitas (PMDB-ES), os senadores Romero Jucá (PMDB-RR), Wellington Fagundes (PR-MT) e o deputado Arthur de Lira (PP-AL).
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia