Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 01 de julho de 2016. Atualizado às 19h16.

Jornal do Comércio

Política

COMENTAR | CORRIGIR

Crise Política

01/07/2016 - 19h16min. Alterada em 01/07 às 19h16min

Dilma define no fim de semana próxima agenda de viagens em defesa de mandato

Dilma Rousseff esteve ontem(30) em Belém-PA marcando presença no ato "O Pará Lutando pela Democracia"

Dilma Rousseff esteve ontem(30) em Belém-PA marcando presença no ato "O Pará Lutando pela Democracia"


Roberto Stuckert Filho/PR/JC
A presidente da República afastada, Dilma Rousseff, deixou Brasília por volta das 15 horas desta sexta-feira (1), rumo à capital gaúcha, para passar o fim de semana com a família. Ela não tem compromissos oficiais e, como de costume, vai aproveitar a passagem por Porto Alegre para descansar ao lado da filha, Paula Araújo, e dos netos, Gabriel e Guilherme, que moram na cidade.
Dilma também deverá usar o tempo na capital gaúcha para definir sua agenda dos próximos dias. Segundo interlocutores da presidente afastada, é praticamente certo que ela retomará as viagens em defesa do seu mandato já na semana que vem. Só falta decidir o destino.
Na última quarta-feira, 29, duas antigas amigas de Dilma lançaram uma plataforma digital com o objetivo de arrecadar recursos para financiar os deslocamentos da petista. O crowdfunding, ou "vaquinha virtual", foi um recurso encontrado para driblar a restrição imposta pelo governo do presidente em exercício, Michel Temer, que limitou o direito de Dilma de usar os aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) ao trecho Brasília-Porto Alegre.
Até o fim da tarde desta sexta-feira, por volta das 18h15, 7.205 pessoas haviam doado um total de R$ 490 mil por meio do site Catarse. O valor corresponde a 98% da meta inicial, de R$ 500 mil. As criadoras da plataforma - Guiomar Lopes e Celeste Martins - lutaram na ditadura militar ao lado de Dilma e afirmam que a ferramenta é a" continuidade da luta pela democracia".
Este é o terceiro fim de semana seguido que Dilma deixa o Palácio do Alvorada para descansar em Porto Alegre. O retorno para Brasília está previsto para domingo.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia