Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Geral

- Publicada em 25 de Julho de 2016 às 22:08

Morre o pintor Antonio Soriano em Porto Alegre

O artista lutava contra um câncer e faleceu aos 72 anos

O artista lutava contra um câncer e faleceu aos 72 anos


JOÃO MATTOS/Arquivo/JC
O artista plástico gaúcho Antonio Soriano faleceu hoje (25) em decorrência de um câncer. Natural de Santo Ângelo, Soriano tinha 72 anos. Ele era conhecido pelas pinturas retratando paisagens. Em entrevista ao Jornal do Comércio em 2011, ele contou que este tipo de trabalho estava na contramão da arte, especialmente no Rio Grande do Sul.
O artista plástico gaúcho Antonio Soriano faleceu hoje (25) em decorrência de um câncer. Natural de Santo Ângelo, Soriano tinha 72 anos. Ele era conhecido pelas pinturas retratando paisagens. Em entrevista ao Jornal do Comércio em 2011, ele contou que este tipo de trabalho estava na contramão da arte, especialmente no Rio Grande do Sul.
As paisagens retratadas por ele seguem principalmente a temática das regiões da Campanha e do Litoral gaúcho. O artista definia os dois temas como “algo muito solitário e bucólico”. Soriano foi aluno de Rubens Galant Costa Cabral e de Ado Malagoli, sendo apontado como sucessor destes no tratamento dado à paisagem.
O artista trabalhou na área da publicidade, onde conquistou diversos prêmios, entre eles o Prêmio Jornal do Comércio, em 1976. O pintor vivia na zona sul de Porto Alegre, onde mantinha seu atelier.
Sua mais recente exposição, comemorativa aos 35 anos de carreira, intitulada de Paisagens Iluminadas, contava com 20 obras de dimensões variadas. A mostra esteve em cartaz até o dia 4 de junho na Gravura Galeria de Arte.
"O Rio Grande do Sul perde um dos seus maiores talentos na pintura. Pintor regionalista por excelência, Soriano projetou-se também por seus magníficos retratos em que fazia denotar absoluto domínio das cores", comentou o diretor do Margs e também artista plástico, Paulo Amaral.
Conteúdo Publicitário
Leia também
Comentários CORRIGIR TEXTO