Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 12 de julho de 2016. Atualizado às 22h43.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Danilo Ucha

Painel Econômico

Notícia da edição impressa de 13/07/2016. Alterada em 12/07 às 20h10min

Mudanças na administração da Vinícola Salton

Daniel Salton e o novo comando na Vinícola Salton, em Bento Gonçalves

Daniel Salton e o novo comando na Vinícola Salton, em Bento Gonçalves


EDUARDO BENINI/divulgação/jc
Às vésperas de completar 106 anos de idade (em agosto), a Vinícola Salton, de Tuiuty, em Bento Gonçalves, passou por uma transformação em sua administração, adotou a governança corporativa e profissionalizou a gestão. "Por muitos anos, mantivemos uma estrutura tradicional. Agora, trazemos mudanças para dar agilidade, eficiência e inovação ao processo, com uma estrutura jovem, para acompanhar o ritmo do mercado e incentivar a inovação", explica o presidente da vinícola, Daniel Salton. O enólogo Lucindo Copat, por mais de 30 anos diretor técnico, aposentou-se e foi para o Comitê de Gestão. Marcos Paulo Flamia, na empresa desde 2006, é o novo diretor industrial júnior nas unidades de Bento Gonçalves e Jarinu (SP). O responsável técnico Luciano Salton, enólogo com 37 anos de experiência na empresa, responderá pelos setores de enologia e elaboração; e Maurício Copat, com seis anos de vinícola, atuará como responsável técnico do departamento agrícola, comandando, também, a unidade de Santana do Livramento. Marcelo Cavalet Lucchese, há sete anos na Salton, assumiu como diretor administrativo júnior. Ainda integram o quadro diretivo Maurício Salton, nas operações; Cleber Slaifer, no comercial; e Luciana Salton, como diretora executiva.
 

Movimentado

Estava movimentada a frente do Chocolatão, prédio da Receita Federal em Porto Alegre, ontem de tarde. Os auditores fiscais da Receita Federal se reuniram, às 14h, para protestar contra o não envio do projeto de lei com o reajuste da categoria, conforme acordado com o governo federal, ainda em março.

Lojas na Ceasa

A Centrais de Abastecimento do Rio Grande do Sul (Ceasa/RS) abriu licitação para a exploração de 23 espaços comerciais em seu complexo no bairro Anchieta. Será dia 8 de agosto, às 10h, na avenida Fernando Ferrari, 1.001. O edital está no site www.ceasars.com.br.

Tecon

Renê Wlach é o novo diretor comercial do Tecon Rio Grande, do Grupo Wilson Sons. Durante mais de 20 anos, foi gerente regional Sul na Hamburg Sud. É vice-presidente da Câmara Brasil-Alemanha no Rio Grande do Sul e atuará diretamente com os mais de 3 mil clientes ativos do Tecon Rio Grande.

Lebes cresce

A rede de varejo Lojas Lebes segue seu plano de expansão e abre duas novas filiais neste mês, uma em Porto Alegre (a quinta da Capital) e outra em São Leopoldo (a quarta da cidade). A nova de Porto Alegre será na Cavalhada. A empresa totaliza 138 filiais, sendo 137 espalhadas em 100 municípios gaúchos e uma em Santa Catarina, em Criciúma.

Rastreamento

Boi rastreado desde o nascimento e alimentado a pasto pode ter sua carne valorizado em R$ 6,00 a mais por arroba (15 quilos). E este rastreamento custa em torno de R$ 2,00 por animal, segundo Consolata Piastrella, da Piastrella Rastreabilidade Animal, uma das empresas certificadoras junto ao Sistema de Identificação de Origem Bovina e Bubalina (Sisbov). Com o aumento da demanda de carne de qualidade, principalmente pela Cota Hilton, rastrear é um bom negócio.

Metalúrgicos

O Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Caxias do Sul detalhou sua proposta de aumento aos metalúrgicos: reajuste de 2% a partir de junho de 2016, 4% a partir de janeiro de 2017 e 7% a partir de abril de 2017. Os trabalhadores querem 9,82% agora.

Em Lisboa

Renato Paixão e Vera Shida, sócios da VR Projetos - que presta consultoria a empresas de todo Brasil na utilização de recursos do imposto de renda junto às leis federais de incentivo -, se reúnem hoje, em Lisboa, com a Diretoria de Responsabilidade Social da Galp Energia. A empresa beneficiou em 2015 cerca de 31 mil pessoas, 188 escolas, através de cinco projetos da VR, que garantiram 62 empregos diretos e 30 indiretos nas cidades de Maceió, Mossoró, Aracaju e Rio de Janeiro. A Galp Energia é um operador integrado de energia com foco na exploração e produção de petróleo e gás natural.

O Dia

  • Acis Sapucaia do Sul e Sicredi firmarão convênio para linhas especiais de crédito aos associados, em café da manhã, às 8h, em sua sede.
  • Coletiva de imprensa sobre o 17º Fórum Internacional Software Livre, às 9h, no Espaço Ian Murodck, Centro de Eventos da Pucrs.
  • Hoje e amanhã, Lojas Americanas promovem mais um saldão de vendas em todo o País, com muitos descontos.
  • Abertas as inscrições para o XX Simpósio de Direito Tributário, em novembro, em Porto Alegre. No site do Instituto de Estudos Tributários (www.iet.org.br).
  • O Irga organizará encontro sobre arroz irrigado. No Clube Franciscano, em Dona Francisca.
  • O presidente da Confederação Nacional dos Municípios, Paulo Ziulkoski, será palestrante, ao meio-dia, na Federasul.
  • Para incentivar empresas a exportar, a Associação Brasileira das Indústrias de Calçados promoverá palestra de Christian Tudesco, professor da ESPM-Sul, e de representantes do Banco do Brasil e Paquetá, 18h, em Novo Hamburgo.
  • A Escola de Engenharia Ufrgs e o Capítulo-RS do Project Management Institute realizarão o Painel da Especialização em Gestão de Projetos, às 19h, na Escola de Engenharia, na Praça Argentina, 90, com palestra de Marco Antonio Kappel Ribeiro, do Pmirs.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia