Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 14 de julho de 2016. Atualizado às 19h27.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Carlos Pires de Miranda

Gastronomia

homem na cozinha

Notícia da edição impressa de 15/07/2016. Alterada em 14/07 às 17h18min

Ossobuco contra o frio

homem na cozinha - receita

Ragu de ossobuco com polenta


CAMPCARNE/DIVULGAÇÃO/JC
Por aqui o ossobuco não é valorizado como na Itália. Lembro que, há alguns anos, quando apresentei a iguaria em jantar do Juvenil Club Gourmet, foi preciso encomendar no supermercado. Hoje, essa carne é mais encontradiça, e a receita a seguir é fácil e deliciosa.
Ragu de ossobuco com polenta
Ingredientes
2 peças de ossobuco
2 cebolas pequenas picadas
2 dentes de alho
1 cenoura média picada
1 vidro (680g) de passata (purê) de tomates
2 talos de salsão picados
1 litro de água
2 taças de vinho tinto seco
pimenta do reino, sal e azeite
400g de farinha de milho
2 litros de água
2 colheres (sopa) de manteiga
1 colher (sopa) de sal
Modo de preparar
1 Aquecer um fio de azeite em panela de pressão, selar a carne dos dois lados, retirar e reservar.
2 Na mesma panela, refogar alho, cebola e, logo em seguida, os vegetais picados.
3 Adicionar carnes, vinho, passata e cobrir com um litro de água (ou um pouco mais, se necessário).
4 Fechar a panela e, depois que começar a pressão, cozinhar por 50 minutos. Retirar os ossobucos, desfiá-los e devolver a carne ao molho. Antes de descartar os ossos, retirar deles o tutano e misturá-lo ao ragu. Temperar com sal, pimenta e manter aquecido.
5 Levar ao fogo uma panela com dois litros de água, sal e manteiga. Quando ferver, adicionar aos poucos a farinha, mexendo para não empelotar. Manter no fogo até atingir o ponto mole e servir com o ragu.

adega

Safra 2013 do Bueno Paralelo 31 foi elaborada com Merlot (50%), Cabernet Sauvignon (42%) e Petit Verdot (8%). Está no mercado ao preço médio de R$ 95,00. Assim como o Bueno Bellavista Estate, um varietal 100% Pinot Noir, com preço sugerido de R$ 62,00. Ambos estão em www.buenowines.com.br.
A propósito da vinícola de Galvão Bueno, seu winemaker, o italiano Roberto Cipresso, estará no Rio Grande nesta semana para acompanhar os processos de vinificação. Em Bento Gonçalves, conduzirá a degustação de cinco Brunellos, somente para enólogos convidados. E, neste sábado, estará na GranVin, em Caxias do Sul.
A harmonização será com um cálice do Gamay 2016, jovem como deve ser. O local será o aprazível jardim da Miolo, no Vale dos Vinhedos. E o principal será um risoto, de carne com Gorgonzola ou de espinafre com nozes (foto), preparado na hora pela chef Tânia Scheir, de La Risoteira. Tudo por R$ 30,00 (com o vinho). É só chegar, das 11h às 17h deste sábado.
Smoked Porter, uma sazonal criada pela Dama Bier especialmente para o inverno, leva seis variedades de malte - um deles, defumado - e dois tipos de lúpulo em sua fabricação. A cervejaria de Piracicaba (SP) possui 12 rótulos em seu portfólio.
Fundação Ecarta recebe terça-feira, dia 19, o diretor da vinícola Justino's, da Ilha da Madeira. Julio Fernandes fará palestra e conduzirá degustação de cinco vinhos, a partir de 19h30min. Inscrições: www.fundacaoecarta.org.br.

via e-mail

Lagosta canadense
Lagosta canadense
CHEARWATER/DIVULGAÇÃO/JC
Robustas lagostas canadenses como essa da foto chegam vivas diariamente a São Paulo. Elas têm carapaça dura e muita carne, são capturadas em águas do Atlântico Norte, viajam por conta da Clearwater Seafoods e irão aterrissar nas mesas da alta gastronomia paulistana. Inveja? Só um pouquinho... O representante é Ezequiel Navatta - enavatta@clearwater.ca.
Frei Irineu Costella, companheiro do saudoso programa televisivo Guerrilheiros da Notícia, movimenta a paróquia São Judas Tadeu. Uma paella gaúcha (por Dilto Nunes) reunirá amigos e benfeitores da comunidade dia 19.
Missão cumprida, os três cozinheiros do jantar mensal do Juvenil Club Gourmet (Luiz Salcedo, Guido Rosito e Acir Inda). Eles prepararam o menu de junho, responsabilidade que, neste mês (dia 25), caberá a Lauro Panichi, Patricio Ferreira e Renato Stifelman. Depois eu conto.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia