Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 19 de junho de 2016. Atualizado às 22h16.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

campeonato brasileiro

Notícia da edição impressa de 20/06/2016. Alterada em 19/06 às 21h25min

Grêmio reencontra a vitória e bate o Cruzeiro por 2 a 0 na Arena

Grêmio e cruzeiro

Equipe tricolor reencontrou a vitória após dois empates seguidos


LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA/JC
Mesmo sem ter uma grande atuação, o Grêmio conseguiu os três pontos no domingo ao vencer o Cruzeiro por 2 a 0, na Arena, e reencontrar a vitória após dois empates seguidos.
O clima frio pareceu ter afetado os jogadores em campo. A primeira etapa foi disputada, em sua maior parte, no meio de campo, com nenhuma equipe conseguindo fustigar a defesa adversária. A única chegada do time do técnico Roger Machado ao gol tinha sido aos 26 minutos, em chute de Douglas de fora da área.
O primeiro tempo se encaminhava para o final quando o Tricolor resolveu pressionar os mineiros. Aos 42, Luan fez jogada individual, partiu da direita para o meio e chutou de canhota. A bola acertou a trave de Fábio, e Douglas, sozinho, pegou o rebote, mas bateu por sobre o gol. No minuto seguinte, porém, Luan não perdoou. Éverton cruzou pela direita na medida, e o atacante cabeceou firme para abrir o placar
O segundo tempo mal havia começado quando o Grêmio marcou o segundo. Luan, de grande atuação, limpou a defesa na frente da área e chutou forte. Fábio espalmou, e Douglas pegou o rebote de cabeça para fazer o 2 a 0.
O Cruzeiro teve a chance de descontar, aos 21, quando o árbitro marcou pênalti após a bola bater na mão de Marcelo Oliveira em chute de Riascos. Arrascaeta, porém, encheu o pé e chutou para longe a chance mineira de tentar evitar a derrota. A notícia ruim da noite foram as lesões musculares de Walace Reis, Maicon e Geromel.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia