Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 16 de junho de 2016. Atualizado às 22h30.

Jornal do Comércio

Colunas

COMENTAR | CORRIGIR
Danilo Ucha

Painel Econômico

Notícia da edição impressa de 17/06/2016. Alterada em 16/06 às 19h33min

Cidades inteligentes precisam de pessoas inteligentes

Diego Canales, do WRI Ross Centro para Cidades Sustentáveis

Diego Canales, do WRI Ross Centro para Cidades Sustentáveis


MARCELO VIGNERON /DIVULGAÇÃO/JC
Entre as barreiras ao processo de construção de cidades inteligentes está a dificuldade em colocar, nas agências de governo que tratam do tema, pessoas que tenham conhecimento e capacidade técnica. Também é preciso que saibam escolher as melhores tecnologias, pois o conceito de Cidades Inteligentes tem como pilar o aproveitamento das tecnologias para ajudar a solucionar os problemas dos grandes centros urbanos. Esse conceito foi abordado por Diego Canales, especialista em Inovação de Dados e Ferramentas do WRI Ross Centro para Cidades Sustentáveis, no seminário Cidades em Movimento, durante o Construction Summit 2016, organizado pelo WRI Brasil Cidades Sustentáveis e pela Associação Brasileira de Tecnologia para Construção e Mineração (Sobratema), concluído, ontem, em São Paulo. Considerando que o Brasil já tem 85% de sua população morando em cidades, lidar com esse cenário demanda uma ampla mudança na forma como se faz o planejamento e o desenvolvimento urbano. Como disse Rejane Fernandes, do WRI, é preciso levar as cidades brasileiras a um rumo de prosperidade e sustentabilidade. As novas tecnologias podem ajudar, mas só elas não são suficientes, como assinalou José Roberto Bernasconi, presidente do Sindicato da Arquitetura e da Engenharia de São Paulo, ao dizer que "uma cidade inteligente só é possível se formada por pessoas inteligentes, civilizadas. A melhor tecnologia, o melhor software, o melhor hardware não servirá de nada sem o 'humanware', que é o lado humano, a interação das pessoas".
 

Bitcom Internet

Na contramão da crise que afeta o Brasil, a Bitcom Internet, empresa caxiense de tecnologia da informação e Internet das Coisas, com atuação em diversos municípios gaúchos e em Santa Catarina, inaugurou nova unidade no Rio Grande do Sul, na cidade de Candelária. A abertura coincidiu com a Expocande.

Daniel Cassin

A grife de moda feminina Daniel Cassin abriu sua quarta loja no Rio Grande do Sul, na expansão do Shopping Iguatemi, em Porto Alegre. É a maior da rede, que tem forte presença no Uruguai e no Paraguai.

Consórcios

A Senior Solution, líder no desenvolvimento de softwares e serviços de tecnologia para o setor financeiro, reforça sua presença na área de consórcios com o lançamento de dois apps para o segmento. A companhia apresentou o Mobile Representante de Vendas, que otimiza a operação das áreas comerciais das administradoras, e o Mobile Consorciado que é voltado ao cotista.

Golfran

A maior empresa de catálogo de venda direta do Brasil é gaúcha, a Golfran, de Caxias do Sul, e está comemorando 30 anos. O grupo é formado por cinco empresas e planeja crescer 10% neste ano. Tem o maior catálogo de venda direta do Brasil, com mais de 7 mil itens e 35 mil combinações.

Cais Mauá

"Não é o poder público que está faltando nesse processo." A frase é do vice-prefeito Sebastião Melo (PMDB) ao ser questionado por que o projeto de revitalização do Cais Mauá, no Centro de Porto Alegre, não anda. "Fizemos a modelagem, as licenças, audiências públicas e votação do projeto. O que devemos fazer agora: rasgar tudo ou acelerar? É preciso abrir o jogo para a sociedade do que está acontecendo", concluiu.

O Dia

  • Sexta-feira, às 8h, o presidente do IEE e sócio do escritório Souto Correa, Rodrigo Tellechea, falará sobre os benefícios da arbitragem, na Federasul.
  • O fundador da Escola de Marketing Digital, Jessé Rodrigues, estará na ADVB, sexta-feira, às 8h, para falar sobre estratégias para plataformas de mídias sociais.
  • Produtores e técnicos poderão conhecer tudo sobre poda e condução de quivizeiros, sexta-feira, às 8h30min, na Embrapa Uva e Vinho, com palestra de Miguel Peterle, gerente de produção da Whitehall Fruitpackers, da Nova Zelândia. Em Bento Gonçalves.
  • O gaúcho Francisco Turra, ex-ministro da Agricultura e presidente da Associação Brasileira de Proteína Animal será homenageado, sexta-feira, no 4º Fórum Brasileiro da Indústria de Alimentos, em Goiânia, pelo Lide, coordenado por dois ex-ministros, Luiz Fernando Furlan e Roberto Rodrigues.
  • A Vinícola Weber e o enólogo e sommelier Vinicius Santiago realizarão curso de introdução ao mundo do vinho, sexta-feira, às 20h, na Associação Comercial e Industrial de Crissiumal. Ingresso a R$ 50,00.
  • Sexta-feira e sábado, grandes espetáculos no Jockey Clube do Rio Grande do Sul, com o 1º Festival Sustentável e Cultural de Porto Alegre. Música, teatro, moda, oficina e gastronomia. Das 14h às 24h.
  • A partir de sábado, o Museu da Moda de Canela contará com espaço exclusivo da Maison Milka.
  • Sábado, o hotel Laje de Pedra, em Canela, receberá as blogueiras Alexandra Aranovich, Claudia Ferraz Rodrigues Pegoraro, Francine Agnoletto, Claudia Bins, Susana Spotti e Luciane Aquino para discutir turismo em família.
  • A Associação Hospitalar Marques de Souza realizará jantar, sexta-feira, às 19h30min, em comemoração aos 10 anos, em agosto, na Sociedade União Centenária, em Marques de Souza.
  • Mais de mil carros, 500 ciclistas e 100 cavaleiros estão sendo esperados, domingo, na carreata em protesto contra a insegurança em Porto Alegre.
  • A Dutra Consultores, de Novo Hamburgo, participa, nos Estados Unidos, do Select USA Summit, com importantes empresários do mundo todo. A diretora Tassia Rosa considera uma grande oportunidade para levar empresas brasileiras ao exterior.
  • Coisa rara no País, a partir de domingo, a RGE diminuirá a tarifa de energia elétrica. Os clientes de baixa tensão terão desconto médio de 7,03% no valor do kWh e os de alta tensão um reajuste negativo médio de 8,21%.

Correção

A primeira nota sobre a BRF foi publicada quarta-feira e não terça-feira, como saiu ontem.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia