Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 23 de maio de 2016. Atualizado às 22h51.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

copa américa

23/05/2016 - 22h09min. Alterada em 23/05 às 22h50min

Dunga não diferencia atletas olímpicos e quer foco na Copa América Centenário

No primeiro dia de treinamentos em Los Angeles para a Copa América, o técnico Dunga evitou fazer distinções entre os jogadores com idade olímpica - são sete ao todo - e os mais experientes. "No momento, estamos pensando na Copa América. Não temos atletas olímpicos, temos atletas da seleção brasileira na Copa América. Todos fazem parte da seleção da Copa América", disse o treinador em entrevista coletiva.
Dunga esclareceu o papel que espera que os líderes realizem na equipe, principalmente com a ausência de Neymar. "Todos os jogadores têm a condição de ser o protagonista. Temos outros que podem se tornar referência na seleção. Estamos buscando mais líderes tecnicamente, competitividade, comando. O líder tem de recordar o que treinamos, o que combinamos antes do jogo. Queremos jogadores que relembrem o que treinamos", disse.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia