Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 12 de maio de 2016. Atualizado às 01h19.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Copa do Brasil

12/05/2016 - 01h07min. Alterada em 12/05 às 01h19min

Em jogo com apagão, Vasco derrota o CRB e fica perto de vaga na Copa do Brasil

O Vasco não conseguiu eliminar o confronto de volta, mas obteve um resultado importante ao vencer o CRB por 1 a 0, nesta quarta-feira, no estádio Rei Pelé, em Maceió. Além da boa vantagem cruzmaltina no jogo de ida pela segunda fase da Copa do Brasil, a partida ficou marcada por uma queda de energia que paralisou o duelo por 30 minutos.
Para o duelo da volta, no próximo dia 18, no estádio de São Januário, no Rio, o time carioca joga pelo empate para avançar. Se perder por 1 a 0, a vaga será definida nos pênaltis, enquanto que os alagoanos se classificam com qualquer vitória com gols para pegar o Santa Cruz, que eliminou o Vitória da Conquista-BA. O jogo foi uma prévia do que o Vasco vai encontrar na Série B do Campeonato Brasileiro, já que os dois times se enfrentam pela 12.ª rodada.
A polêmica marcou o início do embate. Após lançamento, o zagueiro Audálio tirou a bola que iria para Riascos com a mão, mas o árbitro ignorou. Aos sete minutos, outro erro, desta vez da companhia de energia da cidade, com uma queda da iluminação que acarretou em paralisação de 30 minutos.
Com o reestabelecimento da luz, o CRB quase marcou com Audálio, em ótima defesa de Jordi. O Vasco respondeu com Madson, que entrou na área e perdeu o gol. Quando o fim do primeiro tempo se aproximava, o gol. Aos 42 minutos, Rodrigo cobrou falta com força e fez 1 a 0.
Destaque do primeiro tempo, Jordi fez outra boa defesa no início da etapa final. Luidy driblou dois defensores e chutou forte para a boa intervenção do goleiro que substituiu o uruguaio Martin Silva. Aos 31 minutos, o camisa 1 brilhou novamente. Após cruzamento na área, Lúcio Maranhão antecipou a defesa e cabeceou para Jordi defender.
Somente nos minutos finais é que o Vasco ameaçou, ao criar duas boas chances. A primeira foi com Nenê, que tentou o cruzamento e acertou o travessão. A última foi de Yago Pikachu. O lateral-direito entrou na área e chutou forte para Juliano defender e garantir o jogo de volta na próxima semana.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia