Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 16 de maio de 2016. Atualizado às 10h12.

Jornal do Comércio

Economia

COMENTAR | CORRIGIR

mercado financeiro

16/05/2016 - 10h12min. Alterada em 16/05 às 10h12min

Dólar cai ante o real com petróleo forte

O dólar mostra volatilidade na manhã desta segunda-feira (16) e, por volta das 9h40min, voltava a operar em baixa, em meio à alta de mais de 2% do petróleo. "O mercado olha o petróleo forte nesta manhã vazia de novidades políticas, sendo que a grande expectativa é pelo nome do escolhido para o Banco Central", disse o operador José Carlos Amado, da Spinelli Corretora.
Às 9h30min, o dólar para junho caía 0,49%, a R$ 3,5340. O recuo do dólar se dá em linha com as perdas da divisa em relação ao euro e a algumas divisas emergentes e ligadas a commodities.
O euro bateu máxima ante o dólar, logo após um indicador modesto dos Estados Unidos. O índice Empire State de atividade industrial do Federal Reserve de Nova Iorque caiu de 9,56 em abril para -9,02 em maio.
Às 9h34min, o euro subia a US$ 1,1328, após tocar máxima a US$ 1,1333 logo depois do dado. O dólar subia a 108,78 ienes, menos que antes da divulgação do indicador. Com Gabriel Bueno da Costa
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia