Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 25 de maio de 2016. Atualizado às 18h23.

Jornal do Comércio

JC Logística

COMENTAR | CORRIGIR

Infraestrutura

Notícia da edição impressa de 25/05/2016. Alterada em 25/05 às 18h23min

Governo quer menos Bndes nas obras licitadas

Moreira Franco afirma que as instituições financeiras privadas serão convidadas a participar da discussão

Moreira Franco afirma que as instituições financeiras privadas serão convidadas a participar da discussão


ROGERIO CAVALHEIRO/FUTURA PRESS/AE/JC
O governo busca formas de reduzir a participação financeira do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (Bndes) nas concessões de infraestrutura. A indicação foi dada, na semana passada, pelo secretário executivo do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), Moreira Franco, após reunião com representantes da cúpula dos Transportes. A avaliação preliminar do governo é de que os projetos de concessão estão muito ancorados em recursos públicos e há necessidade de buscar outras alternativas.
"Temos alguns problemas no plano regulatório, não só sobre o financiador, mas na montagem do sistema de financiamento. Vamos ter de repensar esse modelo. É fundamental que incorporemos outros agentes financeiros, que bancos privados entrem nesse processo com financiamentos de longo prazo", comentou Moreira.
CONTINUE LENDO ESTA NOTÍCIA EM NOSSA EDIÇÃO PARA FOLHEAR
CLIQUE AQUI PARA ACESSAR
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia