Porto Alegre, segunda-feira, 21 de março de 2016. Atualizado às 14h15.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
25°C
28°C
20°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 3,6060 3,6080 0,69%
Turismo/SP 3,6100 3,7800 0,26%
Paralelo/SP 3,6100 3,7800 0,26%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral | Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas | GeraçãoE
ASSINE  |   ANUNCIE  |   ATENDIMENTO ONLINE
COMENTAR CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR

Relações Internacionais 21/03/2016 - 14h02min. Alterada em 21/03 às 14h15min

Google expandirá acesso à banda larga e rede de Wi-Fi em Cuba, diz Obama

NICHOLAS KAMM/AFP/JC
O presidente Barack Obama durante sua histórica visita ao país.

O Google, subsidiária da Alphabet, está prestes a expandir o acesso à internet em Cuba, disse o presidente dos EUA, Barack Obama, à ABC News em uma entrevista durante sua histórica visita ao país.
Obama, em entrevista que foi ao ar depois de sua chegada no domingo em Havana, disse que a expansão do acesso à internet para os cubanos é a chave para mudar o país.
"Uma das coisas que vamos anunciar aqui é que o Google tem um acordo para iniciar a configuração de Wi-Fi e acesso à banda larga na ilha", disse Obama. "A mudança vai acontecer aqui e acho que Raúl Castro entende isso", acrescentou.
Separadamente nesta segunda-feira, a Western Union - empresa multinacional que oferece serviços financeiros e de comunicação - disse que iria se expandir em Cuba após movimentos do governo Obama para afrouxar ainda mais regulamentos sobre transações financeiras.
Uma pequena parcela de cubanos têm acesso à internet e o serviço no país é instável. Um acordo com o Google chamou a intenção da empresa desde que Obama anunciou, em dezembro 2014, que os EUA e Cuba restabeleceriam as relações. Um dos objetivos da viagem de Obama à ilha é a construção de laços econômicos.
Os EUA também querem que Cuba relaxe as políticas que restringem as empresas estrangeiras de contratar seus próprios empregados cubanos.
Durante o jantar de Estado que Obama terá com o presidente de Cuba, Raúl Castro, hoje à noite, o presidente dos EUA pretende pressionar Castro em questões sobre os direitos humanos e das liberdades políticas, disseram autoridades da Casa Branca.
Na terça-feira, Obama deve se reunir com dissidentes políticos e assistir a um jogo de beisebol em Havana entre a Seleção cubana e os Tampa Bay Rays, da Flórida, antes de voar para a Argentina. 
COMENTÁRIOS
Deixe seu comentário sobre este texto.



DEIXE SEU COMENTÁRIO CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
LEIA TAMBÉM
Obama se encontra nesta segunda-feira com Raúl Castro em Cuba Obama: Visita é 'oportunidade histórica de interagir com o povo cubano' Obama chega a Cuba, na primeira visita de um presidente dos EUA desde 1928 Obama desembarca em Cuba neste domingo para visita histórica

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e edições
anteriores
do JC.


 
para folhear | modo texto
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
Digite o resultado
da operação matemática
neste campo