Porto Alegre, quarta-feira, 30 de março de 2016. Atualizado às 00h11.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
22°C
30°C
19°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 3,6370 3,6390 0,33%
Turismo/SP 3,6200 3,8000 0,26%
Paralelo/SP 3,6200 3,8000 0,26%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral | Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas | GeraçãoE
ASSINE  |   ANUNCIE  |   ATENDIMENTO ONLINE
COMENTAR CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR

eliminatórias da copa 30/03/2016 - 00h02min. Alterada em 30/03 às 00h11min

De virada, Chile ganha fora da Venezuela e se recupera nas Eliminatórias

JUAN BARRETO/AFP/JC
Pinilla marca contra a meta venezuelana

Atual campeão da Copa América, o Chile se recuperou bem nesta terça-feira nas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018, que será na Rússia. Depois da derrota em casa para a Argentina, os chilenos golearam de virada a Venezuela por 4 a 1, no estádio Agustín Tovar, na cidade venezuelana de Barinas, pela sexta rodada da competição qualificatória.
O resultado fez o Chile chegar a 10 pontos e subir na tabela de classificação, bem vivo na luta por uma vaga no próximo Mundial. Já a Venezuela mostra ser mesmo o saco de pancadas do torneio. Tem apenas um ponto após seis partidas e está na lanterna.
Mesmo com a volta de seu melhor jogador, o meia Arturo Vidal, o Chile foi surpreendido nos primeiros minutos. Em uma falta cobrada com perfeição e força pelo meia Otero da intermediária, a bola entrou como um foguete no gol de Johnny Herrera e a festa foi enorme em Barinas. Mas antes do intervalo o ímpeto dos venezuelanos foi diminuído com o empate chileno. Aos 32 minutos, após escanteio cobrado pelo lado esquerdo, o centroavante Pinilla cabeceou no canto direito dos mandantes.
No segundo tempo, o Chile foi o dono do jogo e conseguiu a virada logo aos seis minutos. Seijas tocou errado para Beausejour, que cruzou para Pinilla completar de primeira e virar para os visitantes. Aos 27, o balde de água fria nos venezuelanos com o gol de Vidal, que recebeu livre na área e só tocou na saída do goleiro.
Já nos acréscimos, aos 46 minutos, Alexis Sánchez fez boa jogada e tocou para Vidal marcar o seu segundo gols na partida e decretar a goleada chilena sobre a Venezuela.
Com a disputa da Copa América Centenário em junho, nos Estados Unidos, as Eliminatórias da Copa só voltarão a ser jogadas em setembro. Pela sétima rodada, no dia 2, o Chile jogará contra o Paraguai, em Assunção e a Venezuela terá pela frente a Colômbia, também fora de casa.
COMENTÁRIOS
Deixe seu comentário sobre este texto.



DEIXE SEU COMENTÁRIO CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
LEIA TAMBÉM
Brasil busca vitória em Assunção Contra o Uruguai, Dunga tenta superar 1ª pedreira em casa nas Eliminatórias
O Brasil enfrenta contra o Uruguai, nesta sexta-feira, às 21h45, na Arena Pernambuco, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2018
Brasil volta a campo para encarar o Uruguai Sem brilho, Brasil goleia o Peru na Fonte Nova
Equipe de Dunga faz 3 a 0 no Peru e fecha o ano entre os classificados

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e edições
anteriores
do JC.


 
para folhear | modo texto
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
Digite o resultado
da operação matemática
neste campo