COMENTAR CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR

Campeonato Gaúcho Notícia da edição impressa de 07/03/2016. Alterada em 06/03 às 22h31min

Tudo igual no Grenal de seis pontos

LUCAS UEBEL/GRÊMIO FBPA/DIVULGAÇÃO/JC
Jogo, que também valeu pelo Gauchão, teve recorde de público na Arena

Deivison Ávila

Pela primeira vez na história, um Grenal valia, literalmente, seis pontos. Além do confronto pelo Campeonato Gaúcho, o clássico 409 contou pontuação pela última partida do Grupo B da Primeira Liga. Dois jogos em um mereceram um grande público: 48.204 pessoas fizeram parte desta história, batendo o recorde da Arena. Dentro de campo, Grêmio e Inter ficaram no 0 a 0, resultado que classificou o Colorado para as semifinais da Primeira Liga. Já o Tricolor "seca" Fluminense e Figueirense, pelos grupos A e C, respectivamente, para avançar como a equipe melhor colocada em segundo lugar.
Há tempos um clássico não tinha tanto mistério por parte de um dos lados. A escalação do Inter saiu apenas no tempo limite permitido. O segredo era a presença ou não de Vitinho desde a bola rolar. Porém, o técnico Argel Fucks preferiu manter a mesma formação que venceu o Juventude, na rodada anterior do Gauchão. Já o Grêmio, motivado pela goleada por 4 a 0 sobre a LDU, pela Libertadores, estava definido desde quinta-feira. A única mudança promovida por Roger Machado foi a saída de Walace Oliveira, que sentiu uma lesão momentos antes do jogo e foi substituído por Wesley.
Quando Anderson Daronco apitou, o que se pôde ver era os donos da casa dando as cartas no clássico. Durante parte do primeiro tempo, o Grêmio foi mais perigoso, organizado defensivamente e rápido na frente, com Luan e Miller Bolaños.
Mesmo superior, o Tricolor levou perigo em apenas dois lances. Logo aos cinco minutos, Luan arriscou de fora da área e a bola passou próxima da trave direita de Alisson. Aos 19, Douglas recebeu na intermediária e arriscou um belo chute do meio da rua. A bola ganhou efeito e tinha como endereço o ângulo direito, mas o goleiro colorado espalmou para escanteio. Na cobrança, Geromel subiu alto, livre, mas não conseguiu cabecear com precisão.
Na segunda metade da etapa inicial, o Colorado conseguiu ficar mais tempo no campo ofensivo. Os comandados de Argel chegaram mais na bola parada, mas Marcelo Grohe não foi ameaçado em nenhum momento. As únicas conclusões foram de Andrigo, Anderson e Aylon, longe do gol.
O segundo tempo não começou com boas notícias para o torcedor gremista. Em lance no qual o juiz não deu sequer cartão amarelo, Bolaños foi atingido por William no rosto e levado ao hospital com duas fraturas na mandíbula. Principal contratação tricolor na temporada, o equatoriano fará uma cirurgia na quarta-feira. A previsão é de que ele fique fora por pelo menos um mês.
Dentro de campo, aos nove minutos, Aylon cruzou rasteiro, mas Rodrigo Dourado, de carrinho, não chegou a tempo. A resposta gremista veio seis minutos depois. Luan encontrou Giuliano dentro da área, o camisa 8 driblou Alisson, mas Ernando salvou o que seria o primeiro gol da partida. No lance seguinte, Maicon bateu de longe, mas Alisson segurou firme um bom chute do volante tricolor. Aos 24, Giuliano concluiu mal e a bola sobrou para Luan que, livre, dentro da pequena área, acertou o travessão, perdendo um gol inacreditável.
A resposta colorada veio na sequência, no contra-ataque. Eduardo Sasha subiu pela direita, aplicou um lindo drible em Fred e rolou para Vitinho. O camisa 11 concluiu, mas Geromel tirou em cima da linha. Não faltou confusão, bate-boca e empurra-empurra. Antes do término do duelo, que foi até os 52 minutos do segundo tempo, Daronco ainda expulsou o zagueiro Paulão.
No final, muita reclamação de ambos os lados, mas ninguém pôde comemorar a vitória no jogo de seis pontos. Mesmo assim, o Inter saiu da Arena satisfeito, por causa da classificação na Primeira Liga.
Grêmio 0 x 0 Internacional
Marcelo Grohe; Wesley, Pedro Geromel, Fred e Marcelo Oliveira; Edinho, Maicon, Giuliano, Douglas (Everton) e Luan (Bobô); Miller Bolaños (Henrique Almeida). Técnico: Roger Machado.
Alisson; William, Paulão, Ernando e Artur; Rodrigo Dourado, Fabinho, Anderson (Vitinho), Andrigo (Alex) e Eduardo Sasha; Aylon (Rever). Técnico: argel Fucks.
Árbitro: Anderson Daronco
COMENTÁRIOS
Deixe seu comentário sobre este texto.



DEIXE SEU COMENTÁRIO CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
LEIA TAMBÉM
Grenal termina empatado e Inter avança a semifinal da Primeira Liga Com 'alentaço' da torcida, Grêmio e Inter se motivam para o Grenal Roger promete força máxima, mas pode ter até quatro desfalques para o Grenal
No treino desta sexta-feira, o lateral Wallace Oliveira, o zagueiro Fred, o volante e o meia Giuliano ficaram no vestiário e sequer foram ao gramado
Grenal de seis pontos, literalmente

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e edições
anteriores
do JC.


 
para folhear | modo texto
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
Digite o resultado
da operação matemática
neste campo