Porto Alegre, domingo, 14 de fevereiro de 2016. Atualizado às 21h48.
Dia de São Valentim.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
26°C
34°C
21°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 3,9890 3,9910 0,17%
Turismo/SP 3,7500 4,1200 0,73%
Paralelo/SP 3,7500 4,1200 0,73%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral | Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas | GeraçãoE
ASSINE  |   ANUNCIE  |   ATENDIMENTO ONLINE
COMENTAR CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR

CINEMA 14/02/2016 - 19h01min. Alterada em 14/02 às 22h48min

Bafta 2016, o "Oscar britânico", anuncia vencedores

BEN STANSALL/AFP/JC
Mexicano Alejandro Gonzalez Inárritu recebeu os troféus de melhor diretor e melhor filme por "O regresso"

Caroline da Silva

Exatamente duas semanas antes do Oscar, aconteceu, neste domingo, a cerimônia de entrega do prêmio Bafta, troféu da Academia Britânica de Cinema e Televisão na Royal Opera House de Londres. Considerada o “Oscar britânico”, a premiação funciona como um dos termômetros para o evento da Academia de Hollywood, marcada para 28 de fevereiro, confirmando ou não os favoritos às estatuetas.
Os títulos com maior número de indicações no Bafta 2016 eram Carol, de Todd Haynes, e Ponte dos Espiões, de Steven Spielberg, em nove categorias cada um. Logo depois, com oito indicações, aparecia na lista divulgada em 8 de janeiro O regresso, do cineasta mexicano Alejandro González Iñárritu.
Este foi o grande título consagrado da noite, recebendo os troféus de melhor filme, diretor, ator, fotografia e edição de som. Mad Max: Estrada da fúria recebeu sete nominações (ganhando quatro), enquanto Brooklin (vencedor em filme britânico) e Perdido em Marte disputaram o Bafta em seis categorias cada.
Uma das surpresas da premiação foi a escolha do argentino Relatos selvagens como melhor longa de língua não inglesa. O título havia sido indicado ao Oscar de Filme Estrangeiro no ano passado.
Realizado em pleno Valentine’s Day (data equivalente ao 12 de junho, no Hemisfério Sul), a produção do evento brincou com os astros convidados e formou casais de namorados aleatórios na plateia. Quando a câmera os focalizava, eles beijavam-se. A cerimônia também prestou uma homenagem da Academia Britânica ao grande ator Sidney Poitier, que completa 89 anos neste mês. Ele atuou em grandes sucessos de Hollywood dos anos 1990, como O chacal, Caçada brutal e Quebra de sigilo.
Lista dos premiados no Bafta 2016:
Melhor filme:
"O regresso"
Melhor diretor:
Alejandro González Iñárritu ("O regresso")
Melhor ator:
Leonardo DiCaprio ("O regresso")
Melhor atriz:
Brie Larson ("O quarto de Jack")
Melhor filme britânico:
"Brooklin"
Melhor fotografia:
“O regresso”
Melhor ator coadjuvante:
Mark Rylance ("Ponte dos espiões")
Melhor atriz coadjuvante:
Kate Winslet ("Steve Jobs")
Melhor roteiro adaptado:
"A grande aposta"
Melhor roteiro original:
"Spotlight – Segredos revelados"
Melhor filme em língua estrangeira:
'Relatos selvagens" (Argentina)
Melhor documentário:
"Amy''
Melhor trilha original:
"Os oito odiados"
Melhor filme de animação:
"Divertida mente"
Melhor edição:
"Mad max: Estrada da fúria"
Melhor direção de arte (design de produção):
"Mad max: Estrada da fúria"
Melhor edição de som:
“O regresso”
Melhores efeitos visuais:
"Star wars: O despertar da força"
Melhor figurino:
"Mad max: Estrada da fúria"
Melhor maquiagem:
"Mad max: Estrada da fúria"
Melhor filme de estreia:
“Theeb”
Prêmio Estrela em Ascensão:
"John Boyega"
Melhor curta britânico:
"Operator"
Melhor curta de animação britânico:
"Edmond"

O brilho das estrelas


BEN STANSALL/AFP/JC
Cate Blanchett sobressaiu-se com um modelo cheio de referências e efeitos, sem ser redundante
No desfile do tapete vermelho, na chegada à Royal Opera House, destacaram-se os vestidos das atrizes Olga Kurylenko (Oblivion e 007, com um clássico longa de renda branco), Dakota Johnson (Cinquenta Tons de Cinza, sensual em um decotado vermelho), Julianne Moore (sempre elegante, apostou no tradicional preto e branco, com cauda curta), Cate Blanchett (indicada a atriz por Carol, sobressaiu-se com um modelo cheio de referências e efeitos, sem ser redundante), Rooney Mara (indicada a coadjuvante por Carol, com um look romântico em tom nude), e da própria Kate Winslet, vencedora do troféu de melhor atriz coadjuvante por Steve Jobs, vestindo um longo negro estruturado, com cauda discreta, e uma bela clutch vermelha como acessório.
Já a atriz britânica Emilia Clarke, a Daenerys Targaryen de Game of Thrones, atualmente morena, ousou em um modelito todo vermelho: uma espécie de macacão estilizado, com barras longas, que causou estranhamento.
COMENTÁRIOS
Deixe seu comentário sobre este texto.



DEIXE SEU COMENTÁRIO CORRIGIR ENVIAR imprimir IMPRIMIR
LEIA TAMBÉM
Gravataí terá cinema a partir de março Irmãs A 5ª onda

 EDIÇÃO IMPRESSA

Clique aqui
para ler a edição
do dia e edições
anteriores
do JC.


 
para folhear | modo texto
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
Digite o resultado
da operação matemática
neste campo