Victória Paz

Um dos motivos de João migrar a padaria digital para o físico foi a visibilidade

Consolidada nas redes sociais, padaria artesanal abre no Bom Fim

Victória Paz

Um dos motivos de João migrar a padaria digital para o físico foi a visibilidade

Das encomendas para a loja, a Pão do Jão inaugurou nesta quarta-feira o seu primeiro ponto físico no bairro Bom Fim, em Porto Alegre. A padaria, que faz delivery há 2 anos, realizava suas entregas apenas pelas redes sociais. João Lopes Martin Neto tem formação em Gastronomia na Unisinos e percebeu que era hora de se posicionar na Capital. “Um dia comecei a procurar imóveis sem compromisso e percebi que os preços baixaram muito porque a procura diminuiu. Me joguei sem planejamento e, em um mês e meio de obra, estamos abrindo”, conta.

Ops! Este conteúdo é exclusivo para assinantes...

Das encomendas para a loja, a Pão do Jão inaugurou nesta quarta-feira o seu primeiro ponto físico no bairro Bom Fim, em Porto Alegre. A padaria, que faz delivery há 2 anos, realizava suas entregas apenas pelas redes sociais. João Lopes Martin Neto tem formação em Gastronomia na Unisinos e percebeu que era hora de se posicionar na Capital. “Um dia comecei a procurar imóveis sem compromisso e percebi que os preços baixaram muito porque a procura diminuiu. Me joguei sem planejamento e, em um mês e meio de obra, estamos abrindo”, conta.
Um dos motivos de João migrar a padaria digital para o físico foi a diminuição das encomendas. “No início da pandemia, tivemos um aumento muito grande de pedidos porque as pessoas estavam em casa e acabaram se habituando a pedir delivery. Agora com a vacina, a maioria está se sentindo seguro para frequentar lugares”, reflete o empreendedor.
PÃO DO JÃO/REPRODUÇÃO/JC
Para o gastrólogo, o curso de graduação foi importante para a parte inicial da vida de empreendedor. No entanto, João se apoia em quem tem conhecimento. “Não é fácil. Antes eu era MEI e agora é microempresa, mudou totalmente. Preciso estar sempre aprendendo algo diferente porque é confuso. Peço ajuda para o meu pai, para quem já empreendeu antes e para contadores”, explica.
A Pão do Jão está localizada no Bom Fim Mini Shopping, na rua Irmão José Otão, nº 546. A loja que abre de terça-feira a sábado, das 11h às 19h, não terá consumo no local, apenas retirada no balcão. “Por enquanto, só temos para levar. A loja é pequena, mas vendemos produtos industrializados como café orgânico, geleias e diversas outras novidades”, expõe o empreendedor.
O bairro era um dos idealizados pelo gastrólogo por ser valorizado pela vizinhança. “No meu bairro, não existe caminhada ou interação. Como uma padaria precisa de pedestres, percebemos os moradores do Bom Fim bem interessados. É um local onde as pessoas preferem produtos naturais e artesanais”, afirma.
Com fermentação natural e farinha orgânica, a padaria disponibilizará cardápios semanais, divulgados no Instagram (@paodojaooficial), para sempre ter novidades na unidade. Há também produtos fixos como o Pão do Jão, o tradicional da casa, feito de farinha branca. “Nesta semana de inauguração, estaremos estreando o menu especial com pão de azeitona, focaccia de gorgonzola e diversas cucas”, celebra. Vendidos por unidade, os pães de 400g estão na faixa dos R$ 15,00 a R$ 17,00.
PÃO DO JÃO/REPRODUÇÃO/JC
Victória Paz

Victória Paz - estagiária do GeraçãoE

Receba matérias deste autor
Victória Paz

Victória Paz - estagiária do GeraçãoE

Receba matérias deste autor

Deixe um comentário