Pâmela Maidana

Além do Rio Grande do Sul, o Reserve 4Me tem um braço de atuação na Alemanha

Aplicativo gaúcho conecta consumidores a empreendedores de produtos naturais

Pâmela Maidana

Além do Rio Grande do Sul, o Reserve 4Me tem um braço de atuação na Alemanha

Uma reclamação frequente das pessoas que gostariam de consumir produtos naturais, artesanais e sem origem animal é que eles são difíceis de encontrar. O aplicativo Reserve 4Me, desenvolvido pelas empreendedoras Danielle Cosme e Francine Kruger, tem como objetivo conectar consumidores a empreendedores locais, construindo uma comunidade mais sustentável. Pelo app, os usuários podem fazer os pedidos e agendar a retirada dos produtos, realizando o pagamento diretamente ao estabelecimento ou  ao vendedor.

Ops! Este conteúdo é exclusivo para assinantes...

Uma reclamação frequente das pessoas que gostariam de consumir produtos naturais, artesanais e sem origem animal é que eles são difíceis de encontrar. O aplicativo Reserve 4Me, desenvolvido pelas empreendedoras Danielle Cosme e Francine Kruger, tem como objetivo conectar consumidores a empreendedores locais, construindo uma comunidade mais sustentável. Pelo app, os usuários podem fazer os pedidos e agendar a retirada dos produtos, realizando o pagamento diretamente ao estabelecimento ou  ao vendedor.
No início da pandemia, Francine, que mora na Alemanha, teve a ideia de criar um aplicativo para facilitar o acesso das pessoas a compra de produtos que não fossem apenas fast food. Foi unindo esforços com Danielle, que reside em São Leopoldo, e com auxílio de dois empreendedores da área de TI, Reiner Kruger e Matheus Pinto, que o aplicativo foi se moldando e passando por ajustes. Em julho, eles ativaram as primeiras lojas no app.
A plataforma é focada em alimentos orgânicos, artesanais, veganos, vegetarianos e naturais. O aplicativo, que pode ser baixado em IOS e Android, funciona por geolocalização. Tanto para clientes quanto para vendedores, o download do aplicativo não tem nenhum custo. “Para o consumidor, o app é totalmente sem custo. Depois de baixar, ele faz a busca pelos estabelecimentos cadastrados na sua região (atualmente grande Porto Alegre e Vale dos Sinos), escolhe seu produto, faz o pedido e retira na loja, pagando diretamente ao vendedor. Para o comerciante, o aplicativo funciona como uma loja virtual, onde ele tem total autonomia de personalização e gestão dos pedidos recebidos, realizando a venda direta ao cliente, sem o pagamento de taxas”, explica Danielle.
Até março, o aplicativo será sem custo para quem produz. Depois dessa data, os empreendedores vão poder escolher um plano de assinatura que os isenta de taxas. O Reserve 4Me vai contar com os planos básico, plus e personalizado, que custarão entre R$ 50,00 e R$ 100,00 mensais fixos. Hoje, o aplicativo atua na grande Porto Alegre, Vale dos Sinos e está começando a funcionar na cidade de Rio Grande. São 29 lojas e 370 usuários cadastrados. “Para 2021 nosso planejamento é de expandir para demais cidades e regiões do Estado e, posteriormente, para o restante do país,” revela Danielle. Além do Brasil, o aplicativo também está disponível na Alemanha, onde moram Francine, Reiner e Matheus. Segundo a empreendedora, a proposta do aplicativo no exterior é vender produtos típicos do Brasil. “Lá, o foco são produtos brasileiros feitos por brasileiros, para atender a demanda de quem mora há muito tempo fora do Brasil e quer comer uma torta Martha Rocha, um brigadeiro, uma coxinha de galinha, um acarajé”,  explica.
Pâmela Maidana

Pâmela Maidana - repórter do GeraçãoE

Receba matérias deste autor
Pâmela Maidana

Pâmela Maidana - repórter do GeraçãoE

Receba matérias deste autor

Deixe um comentário