Luka Pumes

CapTable tem como propósito aproximar investidores de empreendedores

As vantagens de investir em startups

Luka Pumes

CapTable tem como propósito aproximar investidores de empreendedores

Investimento coletivo é um conceito novo para você? Pois os brasileiros estão apostando cada vez mais em negócios através desse modelo. Em 2016, segundo a Comissão de Valores Mobiliários (CVM), mais de R$ 8 milhões foram captados em plataformas de crowdfunding. Em 2019, os valores ultrapassaram R$ 78 milhões, conforme levantamento da CapTable, iniciativa que tem como propósito aproximar investidores de empreendedores. Guilherme Enck é cofundador do negócio e explica, nesta entrevista, um pouco mais sobre este mercado que gera dúvidas em quem pensa em aplicar seu dinheiro.

Ops! Este conteúdo é exclusivo para assinantes...

Investimento coletivo é um conceito novo para você? Pois os brasileiros estão apostando cada vez mais em negócios através desse modelo. Em 2016, segundo a Comissão de Valores Mobiliários (CVM), mais de R$ 8 milhões foram captados em plataformas de crowdfunding. Em 2019, os valores ultrapassaram R$ 78 milhões, conforme levantamento da CapTable, iniciativa que tem como propósito aproximar investidores de empreendedores. Guilherme Enck é cofundador do negócio e explica, nesta entrevista, um pouco mais sobre este mercado que gera dúvidas em quem pensa em aplicar seu dinheiro.
GeraçãoE - Quais as vantagens de utilizar o sistema de crowdfouding?
Guilherme Enck - Para o investidor, ele passa a ter acesso a um mercado que não se tinha. Antes, o investimento em startups estava restrito a fundos de Venture Capital com grandes gestores de recursos, investidores profissionais, clubes de investimentos, investimentos anjos. Agora, com o sistema de crowdfunding de investimentos, tudo está acessível para qualquer um. A segunda vantagem é que não precisa ter grande conhecimento de mercado porque a gente faz uma pré-avaliação das empresas antes delas serem mostradas como opção para o público. Só oferecemos ofertas que têm altas chances de terem sucesso. Outra vantagem é que o investidor pode acompanhar a empresa sem, necessariamente, estar muito próximo dela. Acompanha tudo on-line e recebe relatórios periódicos. Também é visto como ponto positivo a pulverização do investimento. Se sou um investidor que tem R$100 mil, poderia ser anjo de duas startups. Mas com esse mesmo valor em dinheiro eu poderia investir, no mínimo, em 20 em plataformas como a CapTable. A pulverização é uma vantagem, mitigando os riscos ao criar um portfólio de startups. Todo mundo sai ganhando. Para as startups, temos o acesso facilitado de investimentos, cuja busca é um processo demorado que, às vezes, tira o empreendedor do foco do negócio. No crowdfunding, é só preparar a oferta e fazer a captação. E há um retorno além do financeiro. Temos casos de startups que fecharam captação conosco e acabaram por assinar grandes contratos em razão da exposição.
GE - Por que investidores devem apostar em startups?
Guilherme - O CEO da StartSe, Pedro Englert, costuma resumir três motivos. O primeiro são as possibilidades de ganhos. A gente vê que tem muito dinheiro no mercado privado, de negociações mais fechadas. Quando as empresas vão fazer o IPO delas (sigla em inglês que significa Oferta Pública Inicial), já passaram pela fase de crescimento. Hoje, é muito difícil capturar grandes ganhos investindo em bolsa de valores. A forma de capturar esses ganhos é na fase inicial, justo quando maior parte das startups estão precisando. O segundo motivo é porque você vai estar convivendo com empreendedores que movimentam um ecossistema muito rico em conhecimento, que estão sempre na vanguarda de gestão, técnicas de vendas e tecnologia. Você começa a aprender que pode usar essas ferramentas no dia a dia do seu negócio. O terceiro motivo é que startups estão "matando" empresas grandes. Se eu tenho uma carteira de ações e há algumas de grandes bancos, é bom se perguntar: será que não vou ter outras opções que "matariam" essas? Preciso apostar em fintechs para caso esses grandes bancos quebrem.
GE - Quais os serviços disponibilizados pela Captable?
Guilherme - Um dos serviços é a seleção de startups. Estamos no mercado procurando as melhores e fazemos com que elas passem por todo um processo de seleção que envolve os nossos investidores. O segundo serviço é o da oferta pública. Disponibilizamos essas startups ao acesso do nosso investidor ou de qualquer pessoa que queira investir com todos os dados, atualização de indicadores, tudo o que a pessoa precisa saber para a tomada de decisão para o investimento dela. E o terceiro é o acompanhamento.
Luka Pumes

Luka Pumes - repórter do GeraçãoE

Receba matérias deste autor
Luka Pumes

Luka Pumes - repórter do GeraçãoE

Receba matérias deste autor

Deixe um comentário