A beeIT foca no desenvolvimento de inteligência artificial para a área da saúde

Startup gaúcha abre filial no Chile e planeja expansão


A beeIT foca no desenvolvimento de inteligência artificial para a área da saúde

Os últimos dois anos foram de mudanças para a startup gaúcha beeIT, empresa incubada no Centro de Empreendimentos em Informática da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs). Após fechar uma importante parceria com uma gigante multinacional francesa, em 2018, para desenvolver softwares para a área da saúde, iniciou um processo de crescimento. Em 2019, recebeu o selo de empresa graduada pelo Centro de Empreendimento em Informática (CEI), da Ufrgs, e deixou o Centro de Incubação da universidade para se instalar em três salas no bairro Auxiliadora (rua Campos Sales, nº 157), em Porto Alegre.

Ops! Este conteúdo é exclusivo para assinantes...

Os últimos dois anos foram de mudanças para a startup gaúcha beeIT, empresa incubada no Centro de Empreendimentos em Informática da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs). Após fechar uma importante parceria com uma gigante multinacional francesa, em 2018, para desenvolver softwares para a área da saúde, iniciou um processo de crescimento. Em 2019, recebeu o selo de empresa graduada pelo Centro de Empreendimento em Informática (CEI), da Ufrgs, e deixou o Centro de Incubação da universidade para se instalar em três salas no bairro Auxiliadora (rua Campos Sales, nº 157), em Porto Alegre.
Com o objetivo de expandir a atuação na América Latina, iniciou o seu processo de internacionalização. Recentemente, inaugurou uma filial em Santiago, no Chile, onde atua em sete hospitais e prevê, para o primeiro semestre de 2020, a implantação de outros produtos em mais 13. Ainda em janeiro, vai ampliar sua presença no mercado da Colômbia.
No Brasil, em dezembro de 2019, inaugurou o espaço "beeIT Ville", em Joinville, Santa Catarina, que servirá como coworking inteligente para profissionais da área da saúde. Segundo um dos sócios, Sandro Pinheiro, além de ser uma base da empresa, o objetivo é reunir lá pessoas do mesmo ramo para networking. "Aqui no Rio Grande do Sul participamos do Cluster da Saúde. A nossa ideia é, com o tempo, criar um lá também."
Entre as soluções de tecnologia criadas pela beeIT estão o Leithos, software de gestão de higienização de leitos hospitalares, o Salus, software para acolhimento, triagem e classificação de risco para centros de atendimento de urgência e emergência, e o Prontho, software de armazenamento digital de prontuários, exames, laudos e imagens.

Deixe um comentário