Ao definir uma meta, saiba se ela está de acordo com a sua realidade Ao definir uma meta, saiba se ela está de acordo com a sua realidade Foto: Felipe Furtado/Unsplash/Reprodução/JC

O que são metas SMART e como utilizá-las em sua estratégia

No nosso último texto aqui no GE, trouxemos seis dicas de serviços que auxiliam no gerenciamento de tarefas. Hoje, seguimos na linha do planejamento, para falar sobre as metas SMART.
Você lembra qual foi a última vez que perguntaram quais seus planos pessoais ou profissionais para daqui a cinco ou dez anos? Esse tipo de questionamento gera, pra dizer o mínimo, um desconforto, principalmente quando não se tem a menor ideia sobre para onde ir ou o que fazer.
As metas SMART apresentam critérios que auxiliam na definição dos objetivos de sua estratégia. Essa metodologia se aplica tanto para resultados em grupo ou individuais, valendo para questões pessoais ou profissionais.
O que significa SMART?
SMART é um acrônimo composto pelas palavras Specific (específico), Measurable (mensurável), Attainable (atingível), Relevant (relevante) e Time based (temporal).
A origem de SMART vem de um artigo publicado em 1991, pelo então executivo da Washington Water Power (atual Avista Corporation, empresa de receita superior a US$ 1 bilhão que gera e transmite energia elétrica e distribui gás natural), George Doran.
O artigo, intitulado "There’s a S.M.A.R.T. Way to Write Management’s Goals and Objectives" (Há uma maneira inteligente de escrever metas e objetivos da administração), apresenta o conceito que foi pensado originalmente para empresas.
No texto, Doran explica que os gestores normalmente se confundiam ao definir quais de resultados desejavam obter. Essa confusão, segundo ele, se deve ao alto número de informações buscadas para realizar as tarefas, que fazia com que os gestores perdessem o foco do que realmente é relevante.
Specific (específico)
Aqui, você deve considerar a definição de um objetivo claro, sem espaço para subjetividades. "Aumentar a receita" não é a mesma coisa que "aumentar a receita em 5%". Quanto mais a sua meta for objetiva, mais fácil seguir as demais metas SMART.
Para definir essa meta específica, reflita sobre qual a importância dela, de que maneira será alcançada e quem serão os responsáveis por atingir essa meta. A partir da definição desses pontos fica mais fácil chegar à meta específica.
Measurable (mensurável)
Essa é etapa onde se considera a probabilidade de mensurar determinada ação até o ponto em que a meta seja alcançada. Priorize metas que você consiga analisar de forma efetiva e, com isso, identificar o ponto em que ela será atingida.
Algumas metas são mais fáceis de se mensurar, como aumento de contatos qualificados ou vendas, enquanto outras são subjetivas, como se tornar a referência no segmento de atuação.
Attainable (atingível)
Ao estabelecer objetivos atingíveis, você elimina aquelas metas impossíveis de se alcançar e foca no que você ou sua empresa realmente pode atingir. Existem alguns fatores a se analisar para definir quais as metas possíveis.
Ao definir uma meta, saiba se ela está de acordo com a sua realidade, no que diz respeito a questões financeiras e, principalmente, se as pessoas envolvidas na execução da tarefa estão de acordo com a meta estabelecida.
Relevant (relevante)
Aqui você deve buscar por justificativas que comprovem a importância da meta que deseja estabelecer. A relevância de uma meta passa pela motivação que se tem em alcançá-la e isso vale tanto em objetivos pessoais quanto metas para grupos.
Vale lembrar que, em casos de metas profissionais, a motivação vai além dos gestores. Ouça os envolvidos no processo para atingir a meta e certifique-se de que ela trará benefícios para eles.
Time based (temporal)
A última parte das metas SMART consiste em evitar um mal conhecido: a procrastinação. Definir um prazo para atingir a meta - e para cada uma das etapas do processo - facilita a organização das tarefas que precisam ser executadas.
Assim como nos tópicos anteriores, considere sempre a sua realidade para estabelecer os prazos para entrega. De nada adianta definir um prazo que esteja completamente fora do seu alcance e de sua equipe, por exemplo.
Semanalmente, o pessoal da Dinamize dá dicas de marketing digital aqui no GE. Já conhecia a metodologia das metas SMART? Compartilhe conosco! Tem alguma dúvida ou sugestão? Envie aqui pelos comentários ou pelas redes sociais.
Compartilhe
Seja o primeiro a comentar

Publicidade
Mostre seu Negócio