Carla, do Grupo Press, incentiva que baristas entendam a alquimia da bebida Carla, do Grupo Press, incentiva que baristas entendam a alquimia da bebida Foto: Arquivo Pessoal/Divulgação/JC

Funcionários do Grupo Press ganham viagens a locais relacionados com café

Investir na qualificação dos funcionários é uma estratégia que pode render bons frutos

O Grupo Press, criado em Porto Alegre pela empresária Carla Tellini em 2002, oferece treinamentos periódicos aos colaboradores. E os que se destacam ganham a oportunidade de conhecer um local que faça sentido para o universo do café. "A viagem é a distinção aos baristas e consiste em uma imersão em algum destino relacionado à produção dos grãos. Em 2018, foi a Fazenda Pessegueiro, onde é produzido e torrado o café especial utilizado no Grupo Press. Os profissionais acompanham todas as etapas da cadeia produtiva, conhecendo de perto sabores, cores e possibilidades", explica Carla.
A própria empreendedora se preocupa com as tendências - e não só da região onde atua. Ela acumula, inclusive, diversos cursos internacionais para certificação de jurada da WBT (sigla para World Barista Championship: campeonato mundial de baristas). "Além de muitas provas, testes e viagens pelos países mais desenvolvidos no preparo de espressos e lattes, como os da Escandinávia e da Itália, onde pude comprovar a importância da qualificação do barista para a extração do espresso perfeito", detalha.
Quem trabalha no Press recebe 20 horas iniciais de treinamento para execução das bebidas do cardápio e, a partir disso, outras técnicas e melhorias são desenvolvidas. Carla entende que fazer café é uma arte e, por isso, algumas pessoas se adaptam à função com mais facilidade. E é um processo contínuo. "Oferecemos leituras mensais sobre novas cafeteiras e técnicas, campeonatos, tendências. E, mensalmente, esse conhecimento é avaliado com a execução prática dos cafés e uma avaliação teórica", afirma.
Outra questão, que deriva deste treinamento, é a assinatura na xícara. Ideia do grupo, o adesivo com o nome de quem preparou a bebida valoriza o profissional. Como um chef, um alquimista do café. E, para descontrair e capacitar, ainda existem os TNTs, campeonatos mensais de Latte Art, além do treinamento e preparo para campeonatos nacionais e internacionais de baristas. "A capacitação e o reconhecimento dos colaboradores mais engajados fazem com que os baristas não sejam apenas operadores. São profissionais de excelência."
Compartilhe
Seja o primeiro a comentar

Publicidade
Mostre seu Negócio