Elisa Ricardo Matheus, proprietária do salão Tranças África Elisa Ricardo Matheus (no centro), proprietária do salão Tranças África Foto: /CLAITON DORNELLES /JC

De que forma estrangeiros colaboram com os negócios locais?

Elisa Ricardo Matheus, proprietária do salão Tranças África

"Somos um salão cuja identidade passa pelo empreendedorismo feito por imigrantes. Além de angolanas, temos no quadro de funcionárias imigrantes de Guiné, e já tivemos do Congo, Senegal, Cabo Verde e Haiti. Suas contribuições consolidam o papel fundamental de manter a africanidade como conceito único e diferenciado do nosso negócio."
Compartilhe
Seja o primeiro a comentar

Publicidade
Mostre seu Negócio