Projeto próprio de Fernando completou quatro anos Projeto próprio de Fernando completou quatro anos Foto: LELI BALDISSERA/DIVULGAÇÃO/JC

Profissão: blogueiro. Conheça a trajetória do designer que transformou hobby em emprego

Caminho trilhado por muitas pessoas do meio digital, o blogueiro Fernando Neves transformou o Gourmetice em emprego. Mas nada é tão simples assim.

Quantas pessoas você conhece que iniciaram blogs e os deixaram esquecidos pelo caminho? A paixão pela gastronomia levou o designer Fernando Neves a se explorar no campo do conteúdo digital, quatro anos atrás, com o blog Gourmetice. Ao invadir também em outras mídias, como Instagram e Facebook, aos poucos, a coisa foi crescendo, ao ponto de se tornar a função principal dele, desde dezembro último. Ficamos curiosos para saber como Fernando manteve o blog por todo esse tempo e quais seus próximos passos. Confira na conversa:
GeraçãoE - De onde surgiu a ideia de ter um blog, quatro anos atrás?
Fernando Neves - O Gourmetice nasceu da minha paixão por comida, da minha vontade de trabalhar na área e da "cobrança" dos meus amigos quando viam as fotos dos pratos que eu cozinhava em casa e publicava na minha conta pessoal no Instagram.
GE - Fernando, o que você fazia antes de o Gourmetice vir a ser sua função principal? Quando aconteceu essa transição?
Fernando - Trabalhei vários anos com design e experiência do usuário na internet. No início de dezembro de 2017, vi que não conseguia mais conciliar o trabalho e o blog, então decidi transformar o que era "terceiro turno" em turno integral e me dedicar 100% ao Gourmetice.
GE - O que hoje o Gourmetice é? O que faz? Como se monetiza?
Fernando - Hoje, o Gourmetice é um blog em que os leitores encontram receitas, glossário com produtos e serviços que facilitam o dia a dia, notícias, reviews de restaurantes, pratos e eventos. Nas redes sociais, o conteúdo é mais enxuto e retrata um pouco do meu lifestyle, que é de quem "respira" gastronomia. A monetização acontece com a promoção de produtos e serviços de parceiros, presença em eventos, criação de pratos, ações e campanhas direcionadas, e direção de arte de fotos pra cardápio e redes sociais de restaurantes.
GE - Quais funções você atribuiu a si mesmo que antes não fazia?
Fernando - Agora, todos posts e ações têm sido pensados de maneira mais estratégica, pra aumentar engajamento e alcance do público. Como o blog se tornou minha principal fonte de renda, tenho trabalhado mais com questões comerciais e negociado com os parceiros pra chegar ao melhor resultado para os dois lados.
GE - Como você acha que as pessoas podem empreender a partir de conteúdo e mídias sociais?
Fernando - Acho que é importante identificar as possibilidades de criação de um conteúdo diferenciado (tentar fugir do “mais do mesmo”) dentro mercado no qual quer entrar, perceber o público potencial e, aos poucos, encontrar o tom certo de se comunicar com ele.
GE - Uma vez que muita gente faz isso, como encontrar os diferenciais para os seus canais?
Fernando - Tenho tentado ao máximo ser coerente com todo o conteúdo que produzo, mostrar as experiências da forma mais transparente e orgânica possível, e sempre demonstrar respeito pelos negócios dos parceiros.
GE - Qual o principal desafio deste momento do blog?
Fernando - Acredito que seja se consolidar ainda mais como um veículo de referência pros leitores, em que eles possam encontrar receitas práticas de preparar em casa, ter acesso a dicas bacanas de onde sair pra comer, ficar por dentro das novidades do mercado da Gastronomia, e conhecer as experiências que tive com determinados produtos e serviços.
GE - Você um dia imaginou que o Gourmetice tomaria as proporções atuais?
Fernando - Nunca imaginei mas sempre tive esse desejo, sabe? Costumo falar que sou só um apaixonado por cozinhar e comer (e agora também por criar conteúdo pra Internet), e não tem coisa melhor que trabalhar com o que se ama. Agora é continuar com o trabalho e sempre ir em busca de novidades!
Compartilhe
Seja o primeiro a comentar

Publicidade
Mostre seu Negócio