Antônio Borowski especializou-se em trabalhar a aparência dos itens Antônio Borowski especializou-se em trabalhar a aparência dos itens Foto: CLAITON DORNELLES /CLAITON DORNELLES /JC

Experiência a serviço das embalagens

Fundada em 1992, Born Design aposta no contato visual do consumidor

Mais de duas décadas dedicadas às embalagens. Ou melhor, ao desenho e todos os sentimentos que esse objeto pode transmitir. Esse é o cartão de visitas do fundador da Born Design, Antônio Borowski, 56 anos. Antes de abrir seu próprio negócio, em 1992, após alguns anos trabalhando em uma grande empresa do segmento, ele fez cursos e se especializou no tema.
Ainda na década de 1980, quando iniciou, explica Antônio, a Publicidade ficava restrita a ações específicas. Era um mercado estático. Um exemplo disso é o tempo que uma mesma arte ficava nas prateleiras. "Quando comecei, se mexia numa embalagem a cada cinco anos. Hoje, se altera a cada dois." O aumento da concorrência também é fator determinante para a agilidade do processo.
A Born consegue manter fregueses de mais de 15 anos, e o empreendedor tem uma explicação para isso. "É, literalmente, uma guerra de trincheira. Precisamos calcular passo a passo em termos de ganho e prejuízo que possamos ter", pontua. A visão que outrora era holística, segundo Antônio, mudou. O foco passou a ser o planejamento. "É preciso ter noções muito claras de quanto o design interfere no processo e até que ponto ele é realmente praticável", pondera.
Assim, ser "apenas atrativo" é um conceito atrasado, considera. Uma bela embalagem precisa estar ligada a um processo racional e planejado. "A Born é uma especialista. Trabalhamos dentro desses conceitos. Buscamos fazer com que todos os processos e procedimentos formem uma racionalização do centro de custos", destaca.
"Quem busca elaborar um novo projeto sabe que é um material de persuasão no momento da compra", aponta. Ele cita um dado curioso: estudos revelam que o produto tem 1,5 segundos para chamar a atenção do consumidor. Os supermercados têm entre 80 e 100 mil diferentes itens. Nessa fração de tempo é que o design atua.
Além das embalagens, a Born cria manuais de identificação, catálogos, folders, sinalização de parque industrial ou comercial e identidade de frota. O portfólio inclui trabalhos para indústrias e multinacionais, como Thyessenkrupp e Wittur.
Compartilhe
Comentários ( 1 )
  1. John polimento

    Trabalho de dedicao qualidae e profissional de responsabilidade. Tive prazer conhecer pessoalmente. Abrao suseso na caminhada.

Publicidade
Newsletter

HISTÓRIAS EMPREENDEDORAS PARA
VOCÊ SE INSPIRAR.

Receba no seu e-mail as notícias do GE!
Faça o seu cadastro.





Mostre seu Negócio