'Tão importante quanto a atenção no caminho é olhar ao redor' 'Tão importante quanto a atenção no caminho é olhar ao redor' Foto: ARQUIVO PESSOAL/jc

Tirei um mês de férias

Há muito tempo eu não sabia o que eram férias de verdade. Entre um trabalho e outro e seus hiatos, foram quase três anos. Em dezembro, fiquei um mês inteiro longe do trabalho. Aliás, longe da cidade. E me desligando da rotina é que fui capaz de perceber o quanto estava cansada e com a mente lotada de informação.
O mais impactante foi ter me dado conta do quanto o exercício mais essencial para mim profissionalmente estava em baixa - a minha criatividade. E o quanto de insatisfação surgia com isso. (Calma, leitor, não estamos aqui para fazer terapia.) Te conto isso porque estes 30 dias fizeram por mim e pelo meu ofício aqui no GE muito mais do que eu poderia imaginar. Durante uma trilha na natureza, entendi que tão importante quanto prestar atenção no caminho é levantar a cabeça para olhar a paisagem. No trabalho, da mesma forma: tomar distância faz bem.
Faz a gente enxergar além dos processos diários, ver o aspecto macro do que estamos fazendo. O que, a meu ver, é essencial para tomar decisões melhores. Além do mais, aprendi que se desprender é difícil para caramba, ainda que estejamos numa boa - como quando eu senti ciúmes vendo as postagens do que a equipe aprontava. Mesmo estando de pernas para o ar, quis estar junto com eles. E olha que eu nem sou empreendedora de fato. Imagina você.
Compartilhe
Artigos relacionados
Comentários ( )
Deixe um comentário

Publicidade
Newsletter

HISTÓRIAS EMPREENDEDORAS PARA
VOCÊ SE INSPIRAR.

Receba no seu e-mail as notícias do GE!
Faça o seu cadastro.





Mostre seu Negócio