Luciano Antunes é o otimista idealizador do site lançado na Capital Luciano Antunes é o otimista idealizador do site lançado na Capital Foto: ULISSES MIRANDA/ESPECIAL/JC

Plataforma criada em Porto Alegre aposta em nova cultura de captação de dinheiro para as próximas eleições

Através do Pense Votos, partidos e candidatos conseguem financiar suas campanhas seguindo a Reforma Eleitoral 2015

Idealizado por Luciano Antunes, 50 anos, o Pense Votos é uma plataforma digital que auxilia no processo de doação e captação de recursos para campanhas eleitorais. Formado em Agronomia e pós-graduado em Telemática, pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs), ele diz que sua solução ficou longe de alcançar as expectativas de adesão nessa eleição. Mas está otimista para a próxima. "Esse é um negócio que vai dar certo. Resta saber quem são os players que vão ficar no mercado", assegura.
Através da plataforma, os partidos e os candidatos conseguem financiar suas campanhas seguindo a Reforma Eleitoral 2015, que alterou diversos pontos da legislação eleitoral. "Quando saiu a 'minirreforma eleitoral', para efeito da eleição, a gente identificou como uma mudança enorme, gigantesca", afirma.
A principal mudança da qual Luciano se refere diz respeito à proibição do financiamento de campanha por pessoas jurídicas. Para o pleno desenvolvimento do Pense Votos foi constatado que seria necessária a parceria com uma instituição bancária. "Só dá para atender de uma maneira adequada, com a segurança que precisa, se a gente tiver uma estrutura de banco", explica. O Banco Paulista é o parceiro que hoje oferece o clearing (que avalia se as informações estão corretas) e o compliance (que calcula se há risco na doação efetuada).
O Pense Votos não se restringe a prestação de contas. Definida como uma "instituição de pagamento", a plataforma realiza uma aproximação de candidatos e partidos com os eleitores. Aos candidatos, opções relativas a contratação dos serviços de propaganda eleitoral integrada às redes sociais, rede de voluntários e bandeiras/propostas podem ser acompanhadas de forma on-line. Aos eleitores, as possibilidades são: realizar doações, inscrição como apoiador e acompanhamento de todas as notícias da campanha de seu candidato.
A boa perspectiva para o futuro está fundamentada em diversos fatores. Um deles é o entendimento de que é necessário tempo para que todas as novas implementações sejam devidamente compreendidas. A diferença entre o orçamento empregado em uma eleição municipal em relação às eleições de âmbito estadual e federal também aumentam a expectativa de êxito futuro. "Uma campanha de vereador, lá no interior, até se faz com pouco dinheiro, mas de deputado, que precisa percorrer o Estado inteiro, não faz", exemplifica.
O momento em que as atuais eleições ocorrem, em meio aos Jogos Olímpicos e Paralímpicos, processo de impeachment e investigações, segundo Luciano, também jogaram contra a sorte do Pense Votos. O conjunto de todas essas adversidades resulta na perspectiva otimista para 2018. "Essa vai ser uma eleição com muitos problemas de prestação de contas, o que vai fomentar a cultura de ter um controle de prestação de contas bem feito", finaliza.
Compartilhe
Artigos relacionados
Comentários ( )
Deixe um comentário

Publicidade
Newsletter

HISTÓRIAS EMPREENDEDORAS PARA
VOCÊ SE INSPIRAR.

Receba no seu e-mail as notícias do GE!
Faça o seu cadastro.





Mostre seu Negócio