Amanda Rovatti e Miguel Souza, sócios da Backer Box Donuts, apostam no sabor e na Kombi como diferencial Amanda Rovatti e Miguel Souza, sócios da Backer Box Donuts, apostam no sabor e na Kombi como diferencial Foto: MARCELO G. RIBEIRO/JC

Amigos abrem Kombi de donuts com combinação de sabores na hora

Negócio foi montado por sócios de 21, 23 e 35 anos, em shopping de Porto Alegre

Desde o final de julho, a nova área do Shopping Iguatemi conta com uma Kombi azul para chamar a atenção de quem passa. Lá, encontra-se donuts nas mais variadas apresentações.
A ideia nasceu do trabalho de conclusão do curso de Design de Amanda Rovatti, 21 anos, e saiu do papel com ajuda do namorado Rudá Pellini, 23, e dos amigos Miguel Souza, 23 e Gedson Grutzmacher, 35. Amanda percebeu o mercado ainda em 2013, quando retornou de um intercâmbio em Londres: “Deu vontade de comer e não tinha”, explica, sobre a falta do produto no mercado à época. Logo depois começou a fazer os quitutes e vender para os colegas de faculdade. A aceitação do público neste estágio também foi incentivo para investir no negócio. 
Com 4 opções de coberturas e 12 toppings ou confeitos para escolher e montar a guloseima como quiser, tem opção para quem está com pouca, média ou alta gula, que vão desde o tamanho mini até o big donuts – de R$ 4,00 a R$ 18,00. E há, ainda, quatro opções de donuts com recheio. Com dois meses de operação Baker Box Donuts já comemora o movimento, chegando a vender mais de mil unidades nos finais de semana. O sabor que mais tem saída é o de biscoito Óreo com cobertura de chocolate.
A Kombi não foi a primeira ideia de Amanda, que projetou o negócio em trucks, bikes e quiosques, mas escolheu o veículo por ser do tamanho ideal para a necessidade. “Em uma bike não iria caber tudo”, conta. E entende que fez a escolha certa pois, segundo ela, a Kombi ajuda a chamar atenção para o negócio: “A Kombi vira referência. As pessoas dizem que tal lugar é perto, antes ou depois da Kombi azul”, diverte-se.
Apesar de os sócios terem investido R$ 100 mil do próprio bolso, estão otimistas quanto ao retorno do dinheiro. “O pessoal está gostando porque volta. Vários já preencheram o cartão fidelidade”, refere-se Miguel, ao sistema que dá direito a um donuts grátis após seis compras.
A escolha por estacionar a empresa em um shopping foi arriscada pelo investimento, mas “tem mais chance de dar certo, pois tem movimento de domingo a domingo”, conta Miguel. Amanda arrisca que “se fosse em outro lugar talvez não desse tão certo”. Hoje os sócios estão buscando estruturar ainda mais o negócio, para futuramente abrir uma linha de franquias. “Já temos muitas ofertas para abrirmos franquias, mas ainda queremos amadurecer”, explica Miguel.
Conheça a Baker Box Donuts
Compartilhe
Artigos relacionados
Comentários ( 3 )
  1. Jailto

    Legal a iniciativa, j atuei no mercado de alimentao, especificamente Donuts, antigo Duking Donuts, mas no Sul tem uma certa resistencia " bairrismo" um desafio enorme ...Sucesso aos empreendedores

  2. Vo jayme

    Parabens a estes jovens empreendedores que acreditaram no sucesso de suas ideias. Que Deus os abencoe e lhes orientem. Bjos dos avós jayme e irene

  3. Roberto

    Empreendedorismo é tudo.

Deixe um comentário

Publicidade
Newsletter

HISTÓRIAS EMPREENDEDORAS PARA
VOCÊ SE INSPIRAR.

Receba no seu e-mail as notícias do GE!
Faça o seu cadastro.





Mostre seu Negócio