Porto Alegre, sábado, 27 de novembro de 2021.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
19°C
15°C
7°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 5,5230 5,5250 1,61%
Turismo/SP 4,7300 5,8120 0,44%
Paralelo/SP 4,7400 5,6700 0%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
202258
Repita o código
neste campo
 
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
202258
Repita o código
neste campo
 
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
202258
Repita o código
neste campo
 
 
imprimir IMPRIMIR

PORTO ALEGRE Notícia da edição impressa de 10/01/2012

Desapropriações da terceira perimetral custarão R$ 4 milhões

Cláudio Isaías

MARCOS NAGELSTEIN/JC
Obras para a construção de passagem de nível na Anita com Carlos Gomes se iniciam no mês de março
Obras para a construção de passagem de nível na Anita com Carlos Gomes se iniciam no mês de março

No final deste mês, os proprietários de 19 áreas privadas (recuos de jardim) localizadas ao longo da rua Anita Garibaldi serão chamados pela Secretaria Municipal da Fazenda (SMF) para o recebimento dos valores referentes à desapropriação dos seus imóveis. Também serão ressarcidos os donos de oito edificações localizadas na Anita. A estimativa é de que sejam pagos mais de R$ 4 milhões em indenização aos proprietários.

O titular da Secretaria Municipal de Gestão e Acompanhamento Estratégico (Smgae), Urbano Schmitt, informa que os técnicos da SMF estão concluindo a análise dos valores de 20 recuos de jardim e duas construções na avenida Cristóvão Colombo e de 20 recuos de jardim e um prédio na avenida Ceará.

Já as avaliações dos imóveis situados na Aparício Borges e na Plínio Brasil Milano não se iniciaram porque os editais de licitação das obras ainda não foram lançados pela prefeitura de Porto Alegre.

Segundo Schmitt, a indenização dos imóveis na Anita é necessária agora porque no mês de março começam as obras de construção da passagem de nível da rua Anita Garibaldi com a avenida Carlos Gomes. Os trabalhos fazem parte dos cinco túneis prometidos pela prefeitura de Porto Alegre que serão construídos ao longo dos 12 quilômetros da Terceira Perimetral.

Os trabalhos, que serão realizados por etapas, começam com a construção da passagem de nível da rua Anita Garibaldi com Carlos Gomes. Depois, estarão concentrados na avenida Cristóvão Colombo com a rua Dom Pedro II. A terceira passagem de nível será construída na avenida Ceará com Farrapos.

Já as obras dos viadutos das avenidas Aparício Borges com Bento Gonçalves e Carlos Gomes com Plínio Brasil Milano devem começar no primeiro semestre de 2013.

O custo de todas as obras está avaliado em R$ 120,4 milhões - R$ 94,6 financiados pela Caixa Econômica Federal e R$ 25,8 milhões de contrapartida da prefeitura de Porto Alegre. A previsão é de que os trabalhos estejam concluídos no final de 2013.

Segundo Schmitt, a realização da Copa do Mundo de 2014 no Brasil propiciou o financiamento de obras de mobilidade urbana que Porto Alegre não conseguiria realizar. "A Terceira Perimetral foi construída com a finalidade de melhorar a circulação entre as zonas Norte e Sul, mas ainda é preciso melhorar sua estrutura para facilitar o fluxo", comenta.

Com as mudanças, Schmitt acredita que o tempo de deslocamento de uma zona a outra vai diminuir substancialmente, talvez pela metade. Segundo o secretário, para não atrapalhar a circulação na Capital, a EPTC montará um esquema especial para o tráfego de veículos na avenida, semelhante ao realizado nas obras do Túnel da Conceição. Serão oferecidas rotas alternativas aos motoristas durante o período de construção dos viadutos e das passagens de nível da Terceira Perimetral.

Associação de moradores da região quer audiência pública para conhecer o projeto

Um abaixo-assinado organizado pela Associação dos Moradores da Bela Vista e Mont'Serrat (Amobela) pede que seja suspenso o processo de licitação da passagem de nível da rua Anita Garibaldi com a avenida Carlos Gomes.
O presidente da Amobela, Osório Queiroz Júnior, explica que os moradores da região não tem nenhuma informação sobre a obra e os impactos em termos ambientais e de urbanismo. "Não somos contra a obra e nem ambientalistas radicais. Gostaríamos apenas da realização de uma audiência pública para conhecer o projeto", comenta. Segundo Urbano Schmitt, os projetos da Terceira Perimetral foram exaustivamente discutidos no ano passado com diversas associações de moradores.

Entre as dúvidas dos moradores sobre a construção está o corte de árvores e a desapropriação de imóveis ao longo da Anita Garibaldi. Para o presidente da associação, a Terceira Perimetral não poderia ser uma via expressa porque está no meio da cidade. Para o secretário, a construção dos viadutos e das passagens de nível vai melhorar a qualidade de vida na região

COMENTÁRIOS
gladis rohde - 10/01/2012 - 10h35
Tudo isso, pagto , tempo e infernizar a vida dos motoristas, poderia ser evitado se quem planejou a Perimetral já tivesse planejado elevadas nos entroncamentos mais difíceis que são vários ao longo dessa Av. Que sirva de lição..... Incompetência pura. Att gladis Rohde


Francisco -
10/01/2012 - 13h25
O que precisamos é de transporte coletivo rápido, com ar condicionado e sem violência. Com a crescente venda de automóveis -e a praga dos SUVs que caiu no gosto da classe média-, se ficarmos duplicando avenidas, a cidade não vai mais ter quadras, só pista :P


Luciana -
11/01/2012 - 07h44
OBRA: R. ANITA GARIBALDI - CARLOS GOMES Acredito que toda a comunidade da cidade tem que se envolver com esta situação pois é uma obra que afetará indiretamente a todos! A informação do assassinato de aproximadamente 60 árvores não confere com as afirmações de que a Copa será verde, tendo a sustentabilidade ambiental como prioridade para o Brasil. Muitas vezes vejo pessoas apoiando esta obra, mas... quando faço alguns questionamentos vejo que a pessoa não conhece nada sobre projeto e apenas acha que será bom para a melhoria do fluxo no trânsito. Por favor, se alguém tem real conhecimento deste projeto, me explique.... A maioria dos carros que passam pela Anita Garibaldi, realizam conversão à esquerda sentido norte (aeroporto). Poucos seguem pela Carlos Gomes à direita e menos ainda ultrapassam a Carlos Gomes e prosseguem pela Anita. O maior fluxo que é o norte (sentido aeroporto) será desviado passando por ruas secundárias estreitas???? Para posteriormente ter que retornar mais a frente, para seguir caminho??? As retenções irão permanecer ou AUMENTAR!!!! Afirmam que não haverá sinaleiras... É via rápida... Como a população da região irá transitar entre as calçadas, só irão se locomover de carro??? Pouco se fala do projeto, só falam da obra. Acho que temos que nos informar melhor sobre tudo isso antes de apoiar este projeto. Também sou adepto ao processo evolutivo do bairro, mas acho que temos que encontrar outra solução ou uma melhor forma de adequar este projeto. OBRA: R. ANITA GARIBALDI - CARLOS GOMES Acredito que toda a comunidade da cidade tem que se envolver com esta situação pois é uma obra que afetará indiretamente a todos! A informação do assassinato de aproximadamente 60 árvores não confere com as afirmações de que a Copa será verde, tendo a sustentabilidade ambiental como prioridade para o Brasil. Muitas vezes vejo pessoas apoiando esta obra, mas... quando faço alguns questionamentos vejo que a pessoa não conhece nada sobre projeto e apenas acha que será bom para a melhoria do fluxo no trânsito. Por favor, se alguém tem real conhecimento deste projeto, me explique.... A maioria dos carros que passam pela Anita Garibaldi, realizam conversão à esquerda sentido norte (aeroporto). Poucos seguem pela Carlos Gomes à direita e menos ainda ultrapassam a Carlos Gomes e prosseguem pela Anita. O maior fluxo que é o norte (sentido aeroporto) será desviado passando por ruas secundárias estreitas???? Para posteriormente ter que retornar mais a frente, para seguir caminho??? As retenções irão permanecer ou AUMENTAR!!!! Afirmam que não haverá sinaleiras... É via rápida... Como a população da região irá transitar entre as calçadas, só irão se locomover de carro??? Pouco se fala do projeto, só falam da obra. Acho que temos que nos informar melhor sobre tudo isso antes de apoiar este projeto. Também sou adepto ao processo evolutivo do bairro, mas acho que temos que encontrar outra solução ou uma melhor forma de adequar este projeto.


Luciana -
11/01/2012 - 07h50
Existe um ABAIXO ASSINADO!!!! A População tem que opinar! AJUDEM Meus Amigos, Acabei de ler e assinar este abaixo-assinado online: «Suspensão de Processo de Licitação Pública referente ao projeto da passagem de nível da Rua Anita Garibaldi com a Av. Carlos Gomes» http://www.peticaopublica.com.br/?pi=P2012N18802 Eu concordo com este abaixo-assinado e acho que também concordaras.


Flávio -
13/01/2012 - 12h58
Importantíssimo construir viaduto também na Apar. c/ Oscar Pereira


Maria Zancan -
16/01/2012 - 15h20
Parabéns a Prefeitura que tem administradores como José Loureiro da Silva que pensando no futuro, promoveu a abertura da Av. Farrapos, Salgado Fº e André Rocha.Demoliu casorões para o prolongamento da Borges de Medeiros e João Pessoa, entre 1940 e 1950. Se o problema é derrubar 60 árvores, que se plantem 120, mas o progresso não pode parar. Vale o transtorno de 01 ano para melhorar o trânsito na região. Aplausos à Prefeitura.


Maurício Aurvalle -
18/01/2012 - 23h52
Cara Maria Zancan, nossa prefeitura, governos e políticos....e muitos engenheiros, estão tão atrasados no processo de urbanização das cidades quanto a própria execução desta 3º perimetral. Pensar no carro como o principal elemento das cidades é como pensar em como acabar com nosso patrimônio urbano. Construir viadutos no meio da área urbana foi comprovado sua tamanha agressividade, tanto que nas principais capitais do mundo eles estão sendo transformados em parques suspensos ou mesmo demolidos. A consulta popular não existiu e o que temos visto por todo esse nosso país é uma onda de obras que são aprovadas pelos seus números e não pelo conteúdo qualitativo para nós, população. Não estamos bem servidos de arquitetura nem de urbanismo ou mesmo planejamento em nossos setores públicos...acho que o que representa bem o que dispomos foi o "maravilhoso" projeto de tocos para servir de guard-rail da ciclovia da Ipiranga....piada. Desse jeito vamos transformar nossa CAPITAL em um grande acampamento tradicionalista. Onde estão os concursos públicos? É assim que funciona nos principais países do mundo. É preciso transparência e competência nos processos...chega de soluções de gabinete!!! Precisamos de transporte público de qualidade...e não é preciso gastar bilhões para fazermos alguns trechinhos de metrô.


Ibirá Lucas -
04/02/2012 - 22h50
Projeto antigo, ultrapassado, falta ser validado pelos moradores da região! É oportunista achar que pegar dinheiro da Copa soluciona os problemas, acredito que neste caso financia enorme impacto ambiental.


pedro -
17/08/2012 - 16h21
acho que é uma babusera todo esse movimento contra a abertura do tunel. É necessário. e assassinato de 60 árvores? Que é isso companheiro? vai cuidar da Amazônia então.


anne -
11/01/2013 - 17h49
Estou sendo desapropriada, fui comunicada por um papel dobrado colocado em mionha caixa de correio, note bem não foi uma carta registrada em nem carta 7 meses deposi de assinada a desapropriação, a associação de moradores não foi comunicada, quando se manifestou pedindo informação disseram, que não haveriam desapropriações e sim rebaixamento. Ninguém discutiu com a população o projeto, estão enfiando goela abiaxo por uma copa que eu nem queria aqui em porto alegre. Deveram sim aumentar o IPI dos carros e cim isto crir transporte público decente


Caren Texeira -
15/01/2013 - 16h00
fiquei aterorizada ao ler q vão desmatar por causa de uma copa,tirar mais árvores,enquanto na SMAM tem pilhas de protocolo com pedidos de árvores causando riscos as pessoas com árvores que estão quase caindo por cima das casas,e se a gente resolve cortar alguém denuncia. e os postes de luz me madeira antigos e podres que até agora não trocaram,que a cada temporal causa danos sérios,talvez seja porque isso não afeta na copa.no verão passado todos nós sofremos com a falta de luz contantes e a desculpa era que tinha muitos produtos ligados ao mesmo tempo,só que os geradores são do tempo em que as famílias tinham 1 tv e 1 geledeira e no máximo 1 ventilador,será que,colocaram geradores mais potentes, já resolveram o problema para não acontecer este ano,mas agora é tudo para a copa,para as outras funcionalidades necessarias falta verbas....

imprimir IMPRIMIR
TEXTOS RELACIONADOS
Tapumes que cercam o espelho d'água serão removidos em outubro
Porto Alegre comemora os 80 anos da Redenção
Segundo Pinheiro, ainda neste mês terão início as primeiras intervenções
Assinado contrato para obras de revitalização da orla do Guaíba
O desfile foi aberto por volta das dez horas da manhã e aconteceu nos arredores do Parque Marinha
Desfile de 7 de Setembro é marcado por protestos na Capital gaúcha
Acendimento do fogo simbólico marca início da Semana da Pátria
Aceso fogo simbólico da Semana da Pátria