Porto Alegre, terça-feira, 31 de março de 2020.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
23°C
29°C
21°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 5,1790 5,1810 1,52%
Turismo/SP 4,4100 5,2640 1,15%
Paralelo/SP 4,4200 5,1600 1,17%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
486998
Repita o código
neste campo
 
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
486998
Repita o código
neste campo
 
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
486998
Repita o código
neste campo
 
 
imprimir IMPRIMIR

réveillon 29/12/2011 - 20h14min

Decisão judicial ameaça a festa de Ano Novo em Porto Alegre

Ivo Gonçalves/PMPA/JC
Juíza retoma a interdição do Gasômetro e queima de fogos e shows podem ser cancelados
Juíza retoma a interdição do Gasômetro e queima de fogos e shows podem ser cancelados

A Juíza Lílian Cristiane Siman, da 5ª Vara da Fazenda Pública de Porto Alegre, ordenou a retomada da interdição da Usina no Gasômetro e do Sambódromo (Porto Seco). A decisão divulgada nesta quinta-feira (29) impede a instalação de fogos de artifício e a realização de eventos públicos no prédio do Gasômetro e ameaça a festa programada para o réveillon de Porto Alegre na madrugada de Sábado (31) para Domingo (1).

A magistrada acatou o pedido do Ministério Público, que informou à Justiça a intenção de descumprimento de um despacho anterior, que determinou a interdição dos Complexos Gasômetro e Porto Seco. Conforme o MP, foi protocolado requerimento junto ao Corpo de Bombeiros para instalação de fogos de artifício no prédio do Gasômetro e em área adjacente.

"A Instalação de fogos de artifício em local público interditado justamente por não contar com alvará de proteção contra incêndio e onde, ao que se sabe, costuma se aglomerar grande multidão!", enfatizou Lílian Cristiane Siman.

Por isso, a juíza determinou a retomada da interdição do local, que havia sido suspensa depois de um acordo firmado entre o MP e o Município, possibilitando o ingresso de pessoas no prédio somente para a realização das adequações necessárias à obtenção de alvarás de proteção contra incêndio nos dois locais.

O secretário da municipal da Cultura, Sergius Gonzaga, explica que o evento programado para o sábado não ocorreria nas dependências da Usina e sim a cerca de 800 metros das instalações - que costumam ficar fechadas durante a festa da virada de ano. Segundo Gonzaga, a determinação preocupa a organização do evento.

"Estamos receosos com a determinação, justamente, por não entender quais limites foram considerados pela juíza como Complexo da Usina do Gasômetro. Se o complexo referido for restrito ao prédio, o show e as apresentações não devem suspensos", afirma.

O secretário informa que a procuradoria do município tentará algum tipo de ação judicial para garantir a realização do tradicional foguetório. No entanto, as confirmações devem ser feitas apenas ao longo desta sexta- feira (30).

De acordo com nota do Tribunal de Justiça do Estado, a suspensão do evento público que previa a instalação de fogos de artifício na Usina do Gasômetro deverá ser informada via imprensa local e seu cumprimento comprovado em até 24 horas após a intimação dos responsáveis: Município de Porto Alegre, Secretários Municipais de Obras, Viação e Cultura, e de Gestão e Acompanhamento Estratégico e a Associação das Entidades Carnavalescas.

Além disso, deverá ser demonstrado o atendimento da ordem anterior, da divulgação em jornais de circulação local e afixação de aviso nos Complexos Gasômetro e Porto Seco informando a interdição dos locais, com a vedação de realização de eventos e de frequência pública. O prazo para o cumprimento da determinação já expirou, conforme a Juíza.

COMENTÁRIOS
Marcelo Caruccio - 30/12/2011 - 08h36
Bem sobre esta interdição e sem explicação aposto que esta juiza vai para praia pois esta atitude parece ser uma piada, gostaria que ela explica-se porque o PAPAIO ou esta sendo liberado em todas as vezes que pede e porque os Politicos que são flagrados com propinas não são interditados, acho que ela deveria rever seus conceitos e começar a fazer justiças pelas coisa certas melhor, começar a ser uma profissional com carater por coisas realizadas e não por marketing.


Danielle -
30/12/2011 - 09h07
Simplismente Lamentável,imagina 75 mil pessoas eram esperadas para o evento, será que não é um numero bastante consideravel doutora Lílian?


Wander Dantas -
30/12/2011 - 09h32
Mais um exemplo de uma decisão judicial contaminada de viés político-partidário, o que desabona o caráter imparcial e regulador da Justiça. O pano de fundo aqui é, claramente, o pleito municipal, visando dificultar a vida da boa administração de José Fortunati. uma lástima !!!


João Carlos -
30/12/2011 - 10h15
Sem querer entrar no discutível mérito da decuisão da juíza, acho que cabe uma pergunta. Interdição da Usina do Gasômetro, exatamente no ano de eleições, em que o prefeito Fortunatti é considerado favorito, não seria uma decisão com cunho político partidário? Ou os problemas na Usina só passaram a existir no último mês? Prejuizo maior será para a população que se programou para participar do reveillon na Usina.


arlene muller -
02/01/2012 - 00h26
achei acertada a decisão da juíza. penso que ela o fez por razões de segurança. a festa poderia ter terminado em tragédia . arlene - canoas

imprimir IMPRIMIR
TEXTOS RELACIONADOS
Os fogos para a festa de réveillon de Copacabana
Em Copacabana, balsa pega fogo em show pirotécnico
Palco das atrações musicais já está pronto
Festa na Usina do Gasômetro contará com atrações musicais e show pirotécnico
Revéillon de Copacabana atraiu 2 milhões de pessoas
Foram mais de nove horas de shows de 20 artistas, entre eles Nando Reis, Lulu Santos, Carlinhos Brown e Anitta
Vento derruba estrutura e duas pessoas ficam feridas no Gasômetro
Celebração ficou marcada por temporal, acompanhado por fortes rajadas de vento, que derrubaram parte da estrutura do camarote e resultaram em duas pessoas feridas