Porto Alegre, domingo, 13 de outubro de 2019.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
25°C
22°C
14°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 4,0940 4,0960 0,70%
Turismo/SP 4,0600 4,2980 0%
Paralelo/SP 4,0700 4,2900 0%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
157424
Repita o código
neste campo
 
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
157424
Repita o código
neste campo
 
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
157424
Repita o código
neste campo
 
 
imprimir IMPRIMIR

Educação Notícia da edição impressa de 24/10/2011

Internet foi assunto de destaque no segundo dia de Enem

Candidatos fizeram redação sobre como viver em rede no século XXI
ANA PAULA APRATO/JC
Estudantes tiveram que se apressar para não perder o exame
Estudantes tiveram que se apressar para não perder o exame

No segundo dia de provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), os candidatos tiveram que escrever ontem uma redação sobre “viver em rede no século XXI: os limites entre o público e o privado”. Os alunos utilizaram dois textos de referência. O primeiro tratava da relação entre a internet e a reputação das pessoas, afirmando que a web pode ser usada tanto para o bem quanto para o mal. O segundo texto mostrava como a internet afeta a vida de indivíduos e empresas e lembrava que a ONU declarou o acesso à rede direito básico do ser humano.

Uma charge do cartunista André Dahmer também serviu de apoio para a redação. Na tirinha, um homem que sabia que estava sendo vigiado falava para uma câmera. Um policial assistia a este mesmo homem falando. Ele dizia que não gosta de ser filmado e que, se o policial concordasse, os dois poderiam se juntar para acabar com a vigilância. Redes sociais também caíram na prova objetiva de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias em duas perguntas: uma sobre o Facebook e outra sobre o Twitter. O exame contou ainda com provas de Matemática e Língua Estrangeira. As questões foram respondidas em cinco horas e meia de prova.

Em Porto Alegre, os primeiros candidatos que deixaram as salas de aula classificaram a prova de Matemática como difícil e cansativa. As questões exigiram bastante dos alunos, que também reclamaram de enunciados muito longos.

Por outro lado, a realização do exame foi elogiada pelos participantes, principalmente em relação ao ano passado, quando uma série de transtornos marcaram as provas. De acordo com o Ministério da Educação (MEC), não houve registro de tumultos na entrada dos locais de prova como ocorreu sábado em algumas cidades.
No sábado, os estudantes realizaram os testes de Ciências da Natureza e Ciências Humanas que foram feitos em quatro horas e meia. No primeiro dia, o MEC registrou 25,3% de abstenção.

Ontem, três candidatos foram eliminados por acessar a rede social Twitter, via celular, durante a prova. O uso de qualquer aparelho eletrônico é proibido. No sábado, oito estudantes haviam sido desclassificados pelo mesmo motivo.

Com 5,3 milhões de inscritos (o maior número da história), as provas da edição 2011 do Enem valerão na seleção de mais de 260 mil vagas no Ensino Superior no ano que vem. O gabarito só estará disponível na internet amanhã no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep): www.inep.gov.br.

COMENTÁRIOS
Nenhum comentário encontrado.

imprimir IMPRIMIR
TEXTOS RELACIONADOS
Uso de internet pelo celular cresce entre estudantes e professores, diz pesquisa
Proporção de estudantes e professores que usam internet pelo celular cresceu; entre alunos de escolas públicas, percentual chega a 79%
São oferecidas 4.017 vagas em 91 cursos de graduação
Ufrgs abre inscrições para vestibular 2016
Matemática é área mais preocupante para alunos da alfabetização
Para a avaliação de matemática, o MEC dividiu a aprendizagem em quatro níveis, sendo que o primeiro e o segundo são inadequados
Mais da metade dos alunos de alfabetização teve baixa aprendizagem em matemática
O dado é da Avaliação Nacional da Alfabetização (ANA), divulgada hoje pelo Ministério da Educação