Porto Alegre, quinta-feira, 21 de outubro de 2021.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
19°C
15°C
7°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 5,5230 5,5250 1,61%
Turismo/SP 4,7300 5,8120 0,44%
Paralelo/SP 4,7400 5,6700 0%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
696283
Repita o código
neste campo
 
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
696283
Repita o código
neste campo
 
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
696283
Repita o código
neste campo
 
 
imprimir IMPRIMIR

Copa 2014 Notícia da edição impressa de 12/05/2011

Pelotas é a representante da Metade Sul na Copa

O Jornal do Comércio publica uma série de matérias com as 12 cidades gaúchas pré-selecionadas pela Fifa

Jefferson Klein

TATIANA GAPPMAYER/DIVULGAÇÃO/JC
. Em todo o País, foram indicadas 145 cidades, mas o número deve ser reduzido para 90 até dezembro.
. Em todo o País, foram indicadas 145 cidades, mas o número deve ser reduzido para 90 até dezembro.

A cidade de Pelotas, que em 2012 completará 200 anos de fundação, é a única representante da Metade Sul pré-selecionada para recepcionar delegações estrangeiras na fase preparatória à Copa do Mundo de 2014. Conforme o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Pelotas, Eduardo Macluf, o trabalho para recepcionar uma seleção que participará do torneio começou em março de 2009.

O dirigente destaca que o município, caso confirmado como sede, terá uma visibilidade mundial. Isso também implicará incremento no turismo da região, projeta. Ele defende que essa possibilidade não aconteceu por acaso. Pelotas foi a primeira cidade gaúcha a pleitear com a Secretaria Estadual Extraordinária da Copa, na época do governo Yeda Crusius, o direito de ser uma das sedes no Rio Grande do Sul.

Macluf explica que a prefeitura está discutindo com a rede hoteleira e com os operadores de turismo as melhores ações para receber o público esperado. Entre outras iniciativas, está sendo negociada com a Universidade Federal de Pelotas (UFPel) a realização de cursos de inglês e espanhol para taxistas, garçons e recepcionistas de hotéis. Além disso, está sendo atualizado o material de promoção turística nesses mesmos idiomas.

De acordo com o secretário, a Fifa solicitou algumas informações sobre o município (uma espécie de caderno de encargos) como, por exemplo, as condições de infraestrutura, rede hospitalar e o número de leitos de hotéis em Pelotas (hoje em torno de 1,7 mil). Ele afirma que a cidade possui uma boa capacidade de atendimento e acrescenta que mais três novos hotéis deverão ser implementados até 2013, quando ocorrerá a Copa das Confederações. Um desses projetos é o Hotel Cavalo Verde, do empresário Irajá Andara Rodrigues. O empreendedor detalha que a ideia da construção do hotel, originalmente, não estava vinculada à realização do torneio de futebol, mas visava a aproveitar o potencial turístico da Lagoa dos Patos (que está localizada próxima à área do edifício). No entanto, a prefeitura entrou em contato com ele para saber se o empreendimento estaria enquadrado dentro das exigências da Fifa.

Conforme Rodrigues, as características da estrutura correspondem a expectativas como não ser situada no centro da cidade, possuir área para a prática de esportes e ter mais de 80 apartamentos (no caso, o Cavalo Verde contará com cem apartamentos e oito suítes).

O empresário, que já foi prefeito de Pelotas e deputado federal, revela que a Fifa já encaminhou uma proposta de contrato para alugar o hotel por um período de 90 dias. A construção do complexo se iniciou no ano passado e deve ser concluída em 2012, absorvendo um investimento de aproximadamente R$ 10 milhões. Futuramente, Rodrigues também pretende implementar um condomínio fechado próximo ao lugar.

Do total de 145 cidades pré-selecionadas para serem sedes no Brasil, o Comitê Organizador Local da Copa ainda diminuirá para 90 as escolhidas. A expectativa é de que a definição dos locais aconteça até dezembro deste ano.

Infraestrutura é diferencial do município

Para o secretário de Desenvolvimento Econômico e Turismo de Pelotas, Eduardo Macluf, as condições de infraestrutura melhoram as chances da cidade em acolher uma seleção durante a Copa. Ele ressalta, para atestar a sua colocação, o aeroporto local, que tem status de internacional.

Macluf enfatiza ainda que a superintendência da Infraero já comunicou que o complexo, durante o torneio de futebol, servirá de apoio ao aeroporto Salgado Filho, de Porto Alegre, que deverá encontrar dificuldades na movimentação de aeronaves. O planejamento prevê que aviões que realizem voos charter e executivos deixem os passageiros na Capital gaúcha, porém fiquem estacionados, posteriormente, em Pelotas.

Outro destaque é o Centro de Treinamento do Fragata Futebol Clube, dirigido pelo ex-jogador do Grêmio e da Seleção Brasileira de Futebol Emerson Ferreira da Rosa. O secretário salienta que o empresário implementou um centro de treinamento dentro dos padrões requisitados pela Fifa, com campo, vestiários e outros serviços. Macluf acrescenta que Emerson disponibilizou a sua imagem para atuar como uma espécie de embaixador da Copa em Pelotas.

O prefeito Adolfo Fetter cadastrou o município no programa Pró-Transporte, do Ministério das Cidades, para conquistar uma linha de financiamento de R$ 36 milhões. Esses recursos serão utilizados, principalmente, na pavimentação urbana e na melhoria da infraestrutura viária, como paradas e corredores de ônibus.

Macluf admite que é difícil calcular o número de visitantes que podem ser atraídos com a Copa, mas, para fazer uma comparação, no ano passado, durante os 20 dias de Fenadoce, transitaram em torno de 320 mil pessoas. E esse é um evento local, a Copa movimenta público do mundo inteiro, argumenta o secretário. Sobre preferências quanto a seleções que poderiam ficar em Pelotas, Macluf recorda que a cidade fica próxima da Argentina e do Uruguai e isso facilitaria que turistas dessas regiões visitassem o Estado.

O secretário não vê o fato de Pelotas ser o município gaúcho pré-selecionado mais distante de Porto Alegre (onde acontecerão os jogos) como um empecilho. Ele sustenta que o percurso pode ser feito em meia hora de avião e muitos treinadores preferem manter certa distância para que o time não seja muito assediado por torcedores.

O Jornal do Comércio publica a partir hoje, até 27 de maio, uma série de matérias com as 12 cidades gaúchas pré-selecionadas pela Fifa para receber delegações estrangeiras durante a fase preparatória para a Copa do Mundo de 2014. Em todo o País, foram indicadas 145 cidades, mas o número deve ser reduzido para 90 até dezembro. Veja amanhã a reportagem sobre Novo Hamburgo.

COMENTÁRIOS
Paulo Serpa Antunes - 12/05/2011 - 12h36
Ficou legal a edição da página, colocando no rodapé as informações do especial. Parabéns!

imprimir IMPRIMIR
TEXTOS RELACIONADOS
Institutos europeus dizem que Brasil ‘perdeu’ com Copa
Para membros da Fifa, o impacto real da Copa no Brasil apenas será conhecido em um prazo de cinco anos
Copa elevou percepção de demanda fraca em serviços
Para a Fundação Getulio Vargas (FGV), que apura o índice, este padrão "confirma o efeito negativo da paralisação parcial das atividades durante a Copa"
Visa divulga gastos com cartões em estádios e Fan Fest
No total, foram feitas 582,3 mil transações financeiras de 12 de junho a 13 de julho nas 12 cidades-sede do mundial
Segundo ANTT, 19 mil turistas chegaram ao País de ônibus na Copa
Os fretamentos internos somaram 6.869 viagens com destino às cidades-sede, o que representa 32% do total de deslocamentos interestaduais realizados no período do Mundial