Porto Alegre, quinta-feira, 23 de setembro de 2021.
PREVISÃO DO TEMPO
PORTO ALEGRE AMANHÃ
AGORA
19°C
15°C
7°C
previsão do tempo
COTAÇÃO DO DÓLAR
em R$ Compra Venda Variação
Comercial 5,5230 5,5250 1,61%
Turismo/SP 4,7300 5,8120 0,44%
Paralelo/SP 4,7400 5,6700 0%
mais indicadores
Página Inicial | Opinião | Economia | Política | Geral / Internacional | Esportes | Cadernos | Colunas
ASSINE  |  ANUNCIE  
» Corrigir
Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.
Nome:
Email:
Mensagem:
258738
Repita o código
neste campo
 
» Indique esta matéria
[FECHAR]
Para enviar essa página a um amigo(a), preencha os campos abaixo:
De:
Email:
Amigo:
Email:
Mensagem:
258738
Repita o código
neste campo
 
 
» Comente esta notícia
[FECHAR]  
  Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.  
  Nome:  
  Email:    
  Cidade:    
  Comentário:    
500 caracteres restantes
 
Autorizo a publicação deste comentário na edição impressa.
 
258738
Repita o código
neste campo
 
 
imprimir IMPRIMIR

Emprego Notícia da edição impressa de 23/02/2011

Ministério anuncia 2 mil vagas de capacitação para a Copa

Marcela Mourão

PMPA/DIVULGAÇÃO/JC
Comitiva gaúcha participa de seminário sobre o evento em Brasília.
Comitiva gaúcha participa de seminário sobre o evento em Brasília.

O ministro do Trabalho, Carlos Lupi, anunciou ontem que Porto Alegre terá 2,1 mil vagas para capacitar pessoas desempregadas visando à Copa do Mundo de 2014, dentro do Plano Setorial de Qualificação (Planseq). A informação foi passada ao secretário municipal da Copa, João Bosco Vaz, após reunião em Brasília, na qual apresentou projeto elaborado pela secretaria municipal do Turismo estimado em R$ 9 milhões para treinar funcionários já empregados. "Esse projeto do ministério já estava pronto, mas por falta de verba, só foi anunciado agora. Trata-se de capacitações que serão feitas através do Sistema Nacional de Emprego (Sine)", explica Vaz.

O Planseq Copa do Mundo deve qualificar 150 mil trabalhadores até 2014, com investimento de R$ 124 milhões provenientes do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT). Serão 25 cursos gratuitos em áreas como bilheteiro de metrô e de trem, cobrador de ônibus, frentista, motorista de ambulância, de ônibus urbano e de táxi, camareiro, cozinheiro, garçom, guia de turismo, manobrista, mensageiro, telefonista, recepcionista, artesão, vendedor ambulante, baianas de acarajé, empreendedor individual, entre outros. À prefeitura de Porto Alegre cabe a indicação das pessoas a serem beneficiadas.

Com relação ao projeto apresentado ao ministro, Vaz disse que, por se tratar de treinamento para funcionários atualmente empregados, dependerá de cooperação técnica. "É um pouco mais difícil, mas seguiremos discutindo. Lupi encaminhou para que o planejamento do ministério estude a proposta", explica o secretário. O projeto gaúcho consiste em oferecer treinamento em línguas para funcionários da prefeitura, agentes de trânsito, profissionais da saúde, voluntários e também para o setor privado, como táxis, hotéis, bares e restaurantes. O objetivo é que o FAT financie as capacitações. "Não há outra alternativa para que Porto Alegre aprenda a receber os visitantes num período tão importante para a cidade", justifica o secretário da Secopa.

A agenda do Rio Grande do Sul visando à Copa está intensa nesta semana. Além do encontro com o ministro do Trabalho, Vaz, juntamente com o secretário estadual de Esporte, Kalil Sehbe, e outros 10 técnicos do governo também participam do Seminário Geral das Sedes da Copa do Mundo Fifa Brasil 2014, realizado pelo Comitê Organizador Local (COL), ontem e hoje. Já na quinta-feira, a comitiva volta a Porto Alegre, onde receberá o ministro dos Esportes, Orlando Silva, para almoço no Beira-Rio. Após, Silva se reunirá com o governador Tarso Genro.

COMENTÁRIOS
Nenhum comentário encontrado.

imprimir IMPRIMIR
TEXTOS RELACIONADOS
Relator do projeto de terceirização rejeita contribuição previdenciária
A Receita tentava tributar as empresas que não são especializadas em fornecer mão de obra terceirizada em 5,5% da receita
Pesquisa do Dieese revela que terceirizados têm salário 24% menor
PL 4.330 expõe conflitos nas relações de trabalho
Unidade que produz colheitadeiras reduziu ritmo industrial em 50%
AGCO dispensa 153 da fábrica de Santa Rosa
Renda de trabalhador cai pela 1ª vez em 4 anos
Taxa média de desemprego no primeiro bimestre aumentou de 4,9% em 2014 para 5,6% em 2015, apurou o IBGE